Vou dar uma pausa no assunto “sono” (mas vou retomá-lo em breve, me aturam?) pra contar um pouco de história que não foi contada aqui na época que aconteceu. Eu tinha um espaço só meu pra falar um pouco sobre o que vinha sentindo e não queria publicar. Não era o momento de compartilhar, mas,Leia Mais

Logo que perdi meu primeiro baby, estava no hospital com Maridón, esperando pra pegar o laudo de um ultrassom pós-aborto. Ele segurava na minha mão e estávamos meio calados, ainda baqueados pelo que tinha acontecido. Do nada, ele me olhou com uns olhinhos brilhantes, sorriu e me perguntou: “quando você pensa em voltar a tentar?”.Leia Mais

Daí que não teve menstruação. Claro que eu sei que é uma loucura pro corpo esse momento pós-abortivo, tudo pode acontecer e eu posso menstruar hoje ou daqui a 15 dias. Por isso e, dentro do possível, estou bem calminha aguardando os próximos capítulos. Mas, como tenho bebido e living a minha vida bem loca,Leia Mais