É como eu tenho visto esse meio internético por onde transito, a blogosfera materna. Chega a me dar uma certa nostalgia da época que comecei, quando simplesmente escrevíamos sobre os filhos (que eu ainda nem tinha!), contávamos das tentativas, dos medos, dos erros, dos acertos. Era uma coisa meio ingênua, todo mundo se dava asLeia Mais

Pro cara mais legal do mundo: Se você demora um minutinho a mais pra chegar do trabalho, eu sinto sua falta e tenho vontade de te ligar. Se a casa fica muito silenciosa, Lucas começa a olhar pra porta ansioso (eu também). Hoje, quando você foi embora antes da gente, ele ficou na porta batendo,Leia Mais