Foi assim: ele tava em pé apoiadinho no rack, se segurava com uma mão só. Eu estava do outro lado da sala, no sofá. A distância é super curtinha, talvez um passo de adulto ou uns 5 de bebê. Ele olhou pra mim, sorriu. Como eu amo esse sorriso dele. Sorri de volta. Ele soltou a mãozinha. Deu passinho pra frente. Me contive pra não gritar, pra não me emocionar demais e atrapalhar, então me limitei a sorrir de volta, incentivando “vem, filho!”. E ele deu outro passinho em minha direção. E outro. E outro. Cruzou a sala sozinho. ANDANDO. Quando chegou em mim, ficou tão feliz pela façanha que resolveu voltar.

Deu 3 passinhos, mas desequilibrou e caiu, de cara no rack. Deve ter doído e deve ter assustado. Ele tava tão feliz, poxa. E eu, embora tenha presenciado um tombo, seguia besta de ter visto meu filho andando, então peguei no colo, abracei, falei te amo, to orgulhosa, que lindo que foi você andando, você me mata de alegria, você é lindo, que orgulho, filho!, você me faz tão feliz, ai meu deus, precisamos ligar pro seu pai, precisamos ligar pro seu avô, precisamos postar no blog, precisamos que o mundo saiba agora que você ta pronto pra ele, que você levantou e andou, ai que lindo, meu filho, meu amor, que emoção.

Ou seja.

Não parei de tagarelar loucamente no ouvido da criança e, quando ele resolveu parar de chorar pelo tombo, começou a gargalhar da mãe doida que tem.

E se soltou de novo e seguiu dando alguns passinhos, poucos, acho que ficou com medo de cair. Ainda prefere engatinhar e o andar ainda é muito primário, muito calculado e estudado, mas tudo bem, acho que o começo é assim mesmo.

***

Amor, gente, muito amor.

Com 1 ano, 1 mês, 2 semanas e 2 dias, Luquilicious deu seus primeiros – de muitos – passinhos por esse mundão afora.

31 respostas em “Run, Forrest, run!

  1. Ai, que lindo Carol!!! Parabéns pro Luquilicious!!! To aqui ansiosíssima pra minha pequena começar a caminhar tbm. Hj ela ta fazendo 1 ano e 1 mês, mas só dá uns 2 passinhos tímidos, no máximo!!!
    Imagino como vc deve ter ficado boba..acho q lá em casa tbm não vai ser diferente!!! kkkk

    Beijão!!!

  2. Luquitchous estreou no mundo dos bípedes, eeee!! É muita emoção mesmo. Bento tb andou com 1 ano e 1 mês, lembro como se fosse hoje. Era dia de estreia do Brasil na última Copa e ele veio andando até mim pra pegar um biscoito de polvilho! Logo logo Lucas tá correndo, te prepara!
    bjos

  3. Nossa Carol, a gente fica muito emocionada ao ver nossos filhos evoluirem.

    Ele ter continuado as tentativas significa que ele NÃO está com medo. No começo é bem assim mesmo, leva uns 15 dias pra eles se soltarem.

    A criança que tem medo nem tenta andar sozinha de novo.

    Parabéns pro Lucas! E parabéns pra vc também, por continuar a insentivar, mesmo depois da queda. Talvez, se você tivesse se apavorado ele não teria tentado de novo.

    Acho muito importante o nosso estimulo. Faz eles terem segurança. Faço muito isso. E é errando que se aprende.

    Como andar de bibicleta, lembra…?

  4. Meu filho tb foi assim.. Eu filmando toda boba.. Seus primeiros passinhos e ploft!!! Aquele tombo… Bateu a boquinha e saiu ate sangue!!! Mas ele não desanimou e dali pra frente.. Nunca mais parou!!!
    Luquitos lindo!!!
    Raquel cabreira

  5. Pode ficar emocionada com os primeiros passos dos filhos de pessoas que nem conhece?? Porque eu fiquei!
    Que delícia que deve ter sido! Parabéns pelo filho lindo e esperto que você tem!
    E parabéns, Lucas! Mais um pouco e ganha o mundo!!
    Beijos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *