Biscoito recheado e outras besteiras

Fim de tarde, estávamos brincando no chão da sala, eu e Luquinhas. Maridón ainda ia demorar pra chegar e me tinha me dado uma fominha. Fome de lanche, fome de besteira, sabe como? Então. Eu, que jamais como biscoito (nem recheado, nem nenhum outro) por acaso tinha comprado um Negresco (Óreo é o nome dele aqui na Argentina) numa súbita vontade de doce que tive mais cedo. Ótimo, perfeito pra ocasião. Saquei meu biscoitão do mal, peguei um copão d’água pra dar o acabamento e fui comer ali por perto do bebê, que ele não curte quando eu sumo por muito tempo.

Ni qui eu levantei o biscoitudo em direção à boca, Luquinhas atenta pra cena e começar a gritar de emoção. Vem engatinhando loucamente pra cima de mim, rindo e já de boquinha aberta. Escala meu corpo e fica em pezinho se sacudindo e rindo, todo achando que era ele quem ia comer a delícia chocolatuda recheada proibida.

Não sei descrever o quanto ele tava feliz com a possibilidade. Ria-se, todo prosa e animadinho, como se tivesse vivendo a maior aventura da vidinha dele: provar um biscoitinho de chocolate. Parecia que eu tava comendo ouro banhado em leite materno. Era a visão do paraíso pra ele.

Uma pausa aqui: a maior besteira que Lucas come é pão. Volta e meia dou umas casquinhas do meu pão pra ele roer, nada de mais. Fora isso, o mocinho é todo trabalhado na comidinha orgânicas e super variada, frutinhas, cereais, muita água. Confesso que muitas vezes dou papinha doce industrializada, num misto de preguiça e falta de tempo pra preparar frutinha na hora. Mas, mesmo assim, da papinha de maçã Nestlé pro biscoitão recheadão há todo um salto na história.

E o salto foi dado, viu. Mergulhei no pensamento típico: TADINHO. VAI PASSAR VONTADE. Entao, dei. DEI MERMO. Foram migalhinhas. Eu diria que foram pixels. Pixels de chocolate pro meu filho.

Ele abriu um bocão que cabia o pacote de biscoito inteiro dentro. E mastigou suas migalhinhas com um gosto, uma alegria. Depois dei água, muita água. Pra ver se desfazia aquilo lá no organismo dele, pra ver se desfazia a pontinha de culpa que eu tava sentindo.

***

Mas foi só uma pontinha, viu? Que foi um momentão super divertido, ah foi.

***

Nota mental: comer besteiras escondida do filho.


37 comentários:

  1. hahahahahahaha Carol, acho que ninguém passa incólume por isso...

    eu tenho que comer escondido o que quiser... pq não dou nada para a laura que não seja verdura, legume, frutas e biscoito de polvilho (mimata). De resto, qlq coisa que eu queira comer, tenho que comer escondido - e não dou conta de negar comida para filho, parece que estou negando um copo d´agua!

    Entendo vc!

    Beijos, fique tranquila, ele não está viciado em Negresco só pq comeu pixels de chocolate... hahahahahahaha

    adorei!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Essa é boa!!

    Meu sonho é ver meus filhos pedindo brocolis, rabanete, alface e cenoura no mercado!!!

    Bj

    ResponderExcluir
  3. Hahahahahaha Carol, junte-se ao clube das mães que comem porcarias escondidas dos filhos. Até hj como chocolate escondido da Bia. Kakakakakaka beijocas

    ResponderExcluir
  4. Olha...eu faço a linha mãe de merda, pq a Anna comeu Trakinas pela primeira vez aos 9 meses...eu disse q foi uma Trakinas INTEIRINHA?????? hahahahaha
    Pois bem, aqui Anna come de tudo, com ou sem culpa, ela se lambuza, adora, fica feliz e pra mim, na minha opiniao de mãe de merda q sou, é o q vale!

    Bjoooooos

    ResponderExcluir
  5. Ahhh... e tem coisa mais gostosa do que dar "porcaria" pra filho.
    Claro que vamos selecionar essas porcarias, mais umas migalhas de bolacha acho que nem é tão mal.

    Bjos.

    ResponderExcluir
  6. kakakaka, soh mesmo voce!
    Ele deve ter amado, e isso que importa!

    Bjao

    ResponderExcluir
  7. aai, me sinto a piorrr mae do mundo com esses posts, desde a idadezinha do seu baby eu não aguentava e vira e mexe e dava "porcarias" pra Alanis,rsrs

    mas nãoo era sempre, e nem hj éee!
    ://
    bjos

    ResponderExcluir
  8. Eu faço a linha mãe de merda como a Than disse.

    Yasmin quer comer TUDO q vê as pessoas comendo, e se a gente finge que não vê ela deixa claro que quer com um "hhhhhhhhmmmmmm" nada discreto.

    Eu dou uma maneirada no que como de bobagem perto dela, mas dou sim, até pq não tenho uma alimentação orgânica e toda moldada no que é correto, adoro uns purpurinados.

    Então Luqui Luqui comeu pixels de chocolate Carol, e a páscoa? Vai rolar um ovinho kinder ovo pra ele ?

    Beiiijos pros dois

    ResponderExcluir
  9. hahahah! escovou os dentes depois? Os dele e os seus?

    ResponderExcluir
  10. O Pedro é todo trabalhado nas frutas, verduras e legumes, mas adora um chocolate.... perguntei pro pediatra, ele abriu uma exceçãozinha pro chocolate meio amargo. E não é que o bichinho adora???

    ResponderExcluir
  11. Nossa é só um chocolatinho que mal tem nisso minha gente...logo o muleke tá tomando coca -cola e comendo friturinhas em festinhas e levando de lanchinho pra se divertitr na escola, vai chegar um hora que é inevitavel, então melhor não se culpar e não adiar porque esse dia chega...haaa chega.

    ResponderExcluir
  12. carol ele melhorou da alergia - intolerancia alimentar?

    bj
    lu gasthal

    ResponderExcluir
  13. hahahahah Imagino a cena. Tadinho dele. Só migalinhas? Acho que um biscoitinho por semana não iria fazer mal, heheheheheh.
    Mas se vc não curte doce e não tem em casa fica bem fácil ter como regra não colocar isso na dieta do bebê. Já aqui em casa não poderia ser assim, visto que sou chocólatra... ai ai ai... tadinha de mim. Vou ter que comer chocolate no banheiro, escondida.
    Bjos

    ResponderExcluir
  14. Oi Carol, eu não vejo nenhum problema em de vez em quando dar um pouco para o filhote, só para matar a curiosidade dele. A partir de um ano e meio deixei minha filha experimentar as tão mal indicadas bolachas recheadas, ela comeu mas não é uma coisa que ela me pede, acho que foi só por curiosidade mesmo, já que nunca compramos para ter em casa. Mas não privo ela de experimentar, até refrigerante toma alguns goles nas festinhas mas logo pede água ou suco. Não vejo problema já que o resto de sua alimentação é mais "natural". Não se sinta culpada por isto, faz parte do aprendizado.

    Abraços

    ResponderExcluir
  15. Vou te colocar uma pulga atrás da orelha. Do jeito que tu descreveu pareceu que ele já estava familiarizado com o pacote de biscoito, será que já não deram para ele na creche??? Beijos

    ResponderExcluir
  16. Carolita, acho que nao. Pq eu nunca contei na creche que ele tava melhor da alergia, entao eles morrem de medo de dar qquer coisa, me mandam anotado tudinho que ele come lá e tal. Eu confio, né?

    Ele tá com essa mania de abrir o bocao pra qquer coisa que a gente come, tem que ficar de olho vivo mesmo!

    beijao!

    ResponderExcluir
  17. Uma das minhas principais regras relativas à maternidade é exatamente essa: comer besteira escondida do filho. Até hoje como chocolate longe do Bento, pq o mocinho, se vê, fica nessa alegria que vc descreveu aqui...
    bjos

    ResponderExcluir
  18. Carol querida, acompanho seu blog ja algum tempo, e não sou muito familiarizada com essa coisa toda de blog, tô apanhando para deixar meu comentario.
    Bem mas vamos ao que interessa: Minha pergunta não tem nada a ver com o post (assim que fala né)...mas gostaria de saber se o Lucas já dorme em seu quartinho (berço) e como foi essa transação...
    meu bb tem 5 meses sou mãe de primeira viagem e ainda sou uma garotinha de 39 anos e estou com essa duvida,
    hora de por em seu quartinho e como vai ser...me conta vai, vc ja me ajudou tanto contando e dividindo suas experiencias...duvidas , duvidas...obrigada querida, vc é o maximo.

    Manuela Brandão.

    ResponderExcluir
  19. Bem-vinda ao clube das mães que comem besteiras escondidas dos filhos! Ajuda bastante não ter muitas besteiras em casa (aqui por exemplo, nunca temos bolachas recheadas), mas chega uma hora em que fica difícil enganar os pequenos...
    Até hoje não me esqueço da carinha da minha filha provando um Bis (único tipo de chocolate que ela provou até hoje), com 1 ano e meio. O duro é que agora se ela vê algo suspeito, já pede: cocolate, mamãe, cocolate!

    ResponderExcluir
  20. Ih, tbm como escondida! Mas tem coisas que Olívia já come de besteira... tipo se o pai estiver comendo ruffles, e ela vai e pede. Aí não tenho coragem de não dar, mas são raras as vezes!hehe

    ResponderExcluir
  21. Comer besteira escondida faz totalmente parte a maternidade. Pelo menos da minha :P
    Todos os dias, desde que a Ciça nasceu, que eu como chocolate (ou uma porcaria pior, como o seu biscoito recheado) sozinha, em pé, escondida na cozinha. Quem nunca?

    Beijos

    ResponderExcluir
  22. carol eu acho que faz parte dar essas coisas para eles experimentar, da perspectiva da crianca eu acho que é um alimento e esconder e nao dar nunca pode ter o efeito contrario, o dia que puder comer vai se entupir. eu conheco uma pessoa que mora em SP e é vegetariana, disse-me que estimula a filha de 5 anos a ser vegetariana mas "deixa ela a vontade", nao sei bem o que isso significa... a pobre menininha foi para escola e a mae foi chamada depois de um tempo porque a menininha descia a mao nas outras criancas para roubar danoninho. eu acho isso uma vergonha. aqui em casa tem regras, qq besteira so no final de semana, meu filho ama pizza e eu deixo ele jantar 1 vez por semana, e assim caminha a humanidade

    ResponderExcluir
  23. Oi,tudo bem?Estou criando um bazar virtual("BAZAR KARINA"),com produtos Avon,Natura,Roupas e variedades.Muitos sorteios,rifas e promoções para vc!Faça uma visitinha,já estamos em "funcionamento".Deus os abençoe!

    http://bazarkarina.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. sera que la na creche ninguem comete crimes secretos? Sera que a alegria toda nao foi de "reconhecimento"do Oreo?

    ResponderExcluir
  25. Carol, comer bobagem escondido dos filhos is the new fumar escondido dos pais.
    Bem-vinda ao clube!
    hahahahaha

    ResponderExcluir
  26. carol, minha filha tem 2 anos e eu como muuuuito escondido, tipo, comer colherada de doce de leite escondida na lavanderia, kkkkkk...

    bjs

    ResponderExcluir
  27. nossa, comer escondido é mesmo o jeito e se não der pra esconder, eu dou mesmo pra ele comer, se quiser... vc não vai conseguir esconder a sobremesa do almoço em família por exemplo... e ele nem vai ficar pedindo se não estiver a mostra, pelo menos é assim aqui em casa... e muita coisa ele experimenta e nem curte tb, tipo coisas cremosas tipo sorvete, é careta na certa... rs

    relaxa, um teco de bolacha não faz mal...

    e o reconhecimento do pacote acho que não tem nda a ver... o Linus reconhece pq ve abrindo mil embalagens, daí ele já sabe que tem coisa dentro...

    don't worry, be happy!

    ResponderExcluir
  28. gente amei! fiquei aqui imaginando a carinha dele de felicidade quando viu a mamãe dele com aquele biscoitinho na mão.Você foi super divertida para contar a sua travessura (SUA MESMO E NÃO DO BEBÊ)
    kkkk bjkss JACK ROSA

    ResponderExcluir
  29. criativo o texto! congratulations!

    ResponderExcluir
  30. Oi amiga, sou nova por aqui e gostaria que vc visitasse o meu blog.
    www.gustavoegaby.blogspot.com. estou te seguindo.
    Bjinhos

    ResponderExcluir
  31. Carol essa foi boa demais, e como você relatou a historinha então hahahaha Eu tomo minha bendita Coca Cola escondida ou pelo menos desfaço numa xícara de porcelana hahahaha mas que já andei dando provas de bolo de chocolate dei a minha de 2 anos e meio claro hahahaha maldade privar de algumas delícias não é verdade? Bjao

    ResponderExcluir
  32. Carol, eu tb pensei que nem a Carolita... acho que é o caso de ficar de orelha em pé!

    ps. amei os pixels de biscoitos hahahahaha

    bjocas ju

    ResponderExcluir
  33. Comer escondida todo mundo faz...

    Pior é quando começam a reconhecer os cheiros e falam pra você: mãe, cê tava comendo chocolate?

    tóin!

    ResponderExcluir
  34. Carol, quase cai da cadeira de tanto rir, ótimo post.

    Fico só imaginando a cena, Luqui Luqui todo felizão, agora vai ter que comer escondido mesmo, ele já sabe o que é "bom".
    O Rafael está ficando igual, as vezes ele não quer a sua comidinha, que a nossa :)

    Carol, uma perguntinha sobre a APLV, teve algum alimento que o pediatra do Lucas pediu para esperar mais tempo para oferecer por culpa da alergia?

    Beijão

    ResponderExcluir
  35. Carol, primeiro de tudo, que dizer que adoro o seu blog. Leio sempre e me identifico em praticamente todos os posts. Adoro a forma descontraída de escrever a forma sincera de contar suas historias, dilemas e culpas. Alias, saber que outras mães não são perfeitas e que também sentem culpa, me ajuda a sentir menos culpa e me sentir mais normal.

    Agora, gostaria de dividir uma dica com você. Não sei se você conhece, mas como várias amigas minhas não conhecem, resolvi compartilhar com você. Qdo a minha baby era pequena como o seu e eu fazia doce de fruta e congelava. Por ex: descascava a maçã e punha para ferver com um pouco de água, até secar a água e a maçã ficar molinha. Não colocava açúcar. Era apenas o acúcar da própria fruta. Ela adorava. Como era congelado, conseguia levar para os lugares. Também ficava bom com pera e pessego. Outras frutas também deve ficar bom. :O)

    bjs

    ResponderExcluir
  36. Entendo vc. Comigo é pior ainda. Não tenho tempo de cozinhar, não gosto de cozinhar e sou super hiper mega junk food. Mas meu baby tá com 11 meses, quase 12 e eu nunca dei nada pra ele. Nem papinha industrializada, nem pão, nada mesmo. Me sinto culpada comendo as coisas. Ainda bem que ele acha que é mais uma brincadeira quando me vê comer, e nunca pediu. Ainda bem... mas, ou eu mudo, ou vai ser duro segurá-lo por mais tempo.
    Gostei dos seus textos, acesso o meu blog tb.
    maedotiaguinho.blogspot.com
    abs
    Lina

    ResponderExcluir

baby-comment


up