Lembram do dente maldito?
Então.

Luquinhas ficou febril e chatinho por dois dias e não o mandamos pra creche. Num dia eu fiquei, no outro, Maridón assumiu. No terceiro, o bebê acordou ainda com um começo de febrinha, mas dei antitérmico e levei pra escolinha assim mesmo, com o pedido que me ligassem caso ele tivesse febre de verdade ou parecesse ter muita dor. Me senti culpada, mas precisava ir trabalhar.

Algumas horas depois, me ligam avisando que ele tava com febrão e muito choroso. Ai que ruim que é isso da creche ligar, o coração vai na boca por uns momentinhos. Até eu chegar lá, tava super tensa, queria vê-lo logo, aconchega-lo. Quando cheguei, ele tava tão abatido que resolvi leva-lo no PS do hospital, não era possível 3 dias de febre ser um simples nascimento de dente.

E realmente não era.

O dente estava nascendo sim, mas, ao mesmo tempo, ele tá com uma otite forte, nos dois ouvidos. DE NOVO. Saco saco. Antibiótico de novo, noites mal dormidas, bebê mamando quase nada, peito vazio por falta de estímulo.

Que saco, viu. Pela primeira vez pensei em tirar da creche, pensei em parar de trabalhar, pensei em cuidar do meu filho o dia todo. Utopias, na verdade. Porque ele vai ficar doente, eu preciso trabalhar e cuidar dele o tempo todo não vai evitar que essas coisas chatas aconteçam.

Mas enfim, pensei muito e resolvi deixar esse mau humor de lado e fazer o melhor que eu posso. Estou dando os remédios como manda o figurino, tentando atende-lo bem rapidinho sempre que ele chora ou demonstra incomodo, mas também estou tentando curtir a vida.

Então que desde sexta, quando ele teve o diagnóstico da nova otite, já fizemos de um tudo: assistimos desenhos animados juntos, cantamos muitas músicas, cochilamos agarradinhos, fizemos zona com a comida, comemos sobremesa antes do prato principal, pegamos sol, brincamos na piscina (cuidando muito o ouvidinho, claaaaro), brincamos de voar, de dançar, de se arrastar no chão, de rolar na cama, rimos, demos muitos beijos, dei muito peito e também dei mamadeira com o meu leite quando sentia que ele tava com dores pra sugar o seio. Enfim, relaxei.

Quando terminar o tratamento com o antibiótico, vou consultar um otorrino, por indicação da própria pediatra – Lucas tá apresentando otite de repetição, é bom já ir acompanhando com um especialista pra evitar novos casos. Mas, até lá, decidi que vou fazer da vida do meu filho (e da minha) uma delícia!

E amanhã é meu aniversário, alguma dica deliciosa de comemoração com o meu pequeno?

30 respostas em “Uma doencinha e uma resolução

  1. Ai amiga, sei de tudo isso, mas não lembrava que era seu aniversário. Que gostoso. E amanhã é feriado em SP. Queria te encontrar para te dar um abraço bem apertado e dizer o quanto é especial para mim.

    Um beijo e vc sabe que tô aqui torcendo pro Luqui melhorar logo.

    😉

  2. Carol Bela!!!!

    Eu passei por isso há alguns meses (a Laura tem 5 meses a mais do que o Lucas), então,há cerca de 5 meses,eu estava assim, desesperada com a falta de imunidade dela, culpando a escolinha por tudo o que ela pegava (e ela pegou mesmo, viu?), pensando em parar de trabalhar, morrer de fome, mas agarrada na cria.
    Não dá. São devaneios que passaram pela minha cabeça e quando a febre dela baixou, saíram rapidinho da cabecinha dessa mãe mega preocupada.

    O pediatra da Laura disse que a gravidez passou a minha imunidade para a Laura, e, que, por exemplo, se fiquei gripada 5x na gravidez, a Laura possuía a imunidade para esses 5 vírus diferentes… só que… aos 9 meses de vida toda a imunidade que eu passei pra ela já acabou, ou seja, durante os primeiros 9 meses ela contava com a minha ajuda e que por volta dos 9 meses ela estava sozinha, por sua conta e risco, vivendo nesse mundo do cão. Normal.
    A partir do 8 mês a minha vida virou um inferno, durou 1 mês e pouquinho, mas te garanto, essas crises passam. Antes dele completar 10 meses ele já estará bem mais calmo.
    O berçário ajuda e atrapalha… ajuda, pq com cada infecção que ele tem, ele cria mais resistência para o futuro… mas atrapalha pq ele tem mto mais contato com vírus e bactérias… e isso faz com que adoeça mais. Lembre-se que o futuro seja recompensador… esperamos!!! Pq não é fácil ver os nossos babies passando por momentos tão difíceis.

    Eles passam, os momentos ruins passam logo e vc vai agradecer por tê-lo bem de novo!

    Aproveite muito, aproveite muito!

    Não encane com essas coisinhas de bebês, pq eles têm mta coisinha boba, mta febrinha à toa (não otite, claro) e a gente se descabela. Depois, aprende a viver melhor com isso.

    Beijos grandes, boas festas para vocês!!!!

    Amanhã comemore o seu dia como vc gosta de comemorar: saia para jantar, se quiser, leve-o com vcs, aproveite para ficar bem pertinho de toda a família! Pedro e Luqui são tudo pra vc, fique com eles o máximo que puder!

    Beijos grandes!!!

  3. Ownnn Tadinho dele, mas essas coisas acontecem independente de vc estar cuidando pessoalmente ou não, o que vc podia ter feito, já fez 🙂

    Olha que surpresa!
    Vc é aquariana, como eu!
    Hoje é aniversário do meu filho de dia 26 o meu!
    Parabéns e que seja um ano de muitas alegrias e paz.

  4. Ai tadinho dele!
    Espero que não seja nada grave e que ele melhore 100%.
    Esse momentos ao lado do filho deve ser uma delícia né?
    E para comemoração do niver nada melhor do que um programinha em família.

    Beijos e feliz aniversário desde já! rs

  5. Ahhhh é chatinho essas coisas mas super normal para bebês na idade do Luquinhas. Meu afilhado teve otite atrás de otite e o pediatra receitou a colocação de uma molinha no ouvido. É mega tranguilo a colocação e a criança tem que ficar 1 ano sem mergulhar em piscina, cair agua no ouvido e mar. Mas vale a pena pq depois disso meu afilhado não sofre + de otite. E esta molinha sai sozinha com o tempo, o ouvido mesmo expulsa!!!!…..

  6. Oi Carol, meu nome é Carol tb e tenho um menino de 1 ano e 5 meses!
    Desde que ele nasceu ele tomou leite sem lactose, pois dava muitos gases nele e eu não tive muito leite secou quando ele tinha 4 meses!
    ai comecei a dar derivados de leite e ele não mostrava reação nenhuma. Quando ele tinha 11 meses toquei o leite sem lactose para o comum, ai começaram os meus problemas.
    O Bernardo teve 3 otites e uma pneumonia tudo com intervalos de 3 semanas entre cada um antibiótico, foi ai que uma amiga minha que passou pelo mesmo questionou o leite e coincidentemente no mesmo dia a pediatra dele sugeriu a volta ao leite sem lactose, mas derivados liberados e ele não teve mais otite!!!
    o que a pediatra disse é que crianças sensíveis a lactose quando tomam muito leite podem ter mini-refluxos que quando a criança engole pode ir para as vias aéreas ou ouvido!
    Acho que vale a pena vc conversar com o seu pediatra!
    Bj
    carol

  7. Oi Carol, meu nome é Carol tb e tenho um menino de 1 ano e 5 meses!
    Desde que ele nasceu ele tomou leite sem lactose, pois dava muitos gases nele e eu não tive muito leite secou quando ele tinha 4 meses!
    ai comecei a dar derivados de leite e ele não mostrava reação nenhuma. Quando ele tinha 11 meses toquei o leite sem lactose para o comum, ai começaram os meus problemas.
    O Bernardo teve 3 otites e uma pneumonia tudo com intervalos de 3 semanas entre cada um antibiótico, foi ai que uma amiga minha que passou pelo mesmo questionou o leite e coincidentemente no mesmo dia a pediatra dele sugeriu a volta ao leite sem lactose, mas derivados liberados e ele não teve mais otite!!!
    o que a pediatra disse é que crianças sensíveis a lactose quando tomam muito leite podem ter mini-refluxos que quando a criança engole pode ir para as vias aéreas ou ouvido!
    Acho que vale a pena vc conversar com o seu pediatra!
    Bj
    carol

  8. Carolzita como é ruim quando eles ficam doentinhos né!
    Olha se te consola o Eduardo (ainda) não vai pra escolinha e teve 3 amigdalite em menos de dois meses!
    3!!!!!

    Bebe é assim, como diz minha vó são uns pintinhos, em um dia estão bem no outro doentes…

    Beijos

  9. Sem querer alarmar, longe de mim isso, mas já pensou que essas otites de repetição podem ser alergia do leite?
    Tomara que não mas não custa investigar.

    Bjokas e uym feliz aniversário ao lado de quem vc ama.

    Bjos.

  10. Olha, minha filha nunca foi pra escolinha e fica comigo o tempo todo. Mesmo assim, teve uma otite feia na mesma época em que saíram os incisivos superiores. Foram os dentes mais difíceis pra ela. O pediatra disse que a imunidade pode cair no início da primeira dentição.
    A doença foi muito chata. A febre subia rápido e deixava ela muito baqueada. O antibiotico tinha um gosto terrível que fazia ela vomitar toda vez que tomava. Ela também recusou toda comida, fruta e diminuiu o leite. Perdeu peso, mas depois recuperou. Foi uma semana infernal, mas passou. Tem que buscar paciência no fundo da alma e manter a calma.
    Hoje ela tem um ano e meio e nunca mais ficou doente, mesmo depois de ganhar muitos dentinhos.
    Muito bacana sua atitude de não se abalar e até aproveitar estes dias de recuperação!
    Fico torcendo por vocês. Bjos.

  11. Oi Carol!

    Acabei de descobrir que meu bebe de 5 meses está resfriado. O primeiro resfriado do meu primeiro bb.
    E ele nem vai à creche ainda.
    Ai que dó do bichinho… quero ficar em casa com ele, mas não posso.

    Solidariedade amiga e Feliz aniversário!

    Minha sugestão é ir com ele a algum lugar legal do tipo antes de ser mãe eu via umas maes superdescoladas com seus bebês e pensava: um dia eu serei assim.

    Acho que você seria uma destas mães que eu via, hehehe, de qualquer forma, aproveite o seu dia!!!
    beijos!

  12. Carol…

    De fato, ficar em casa sem trabalhar não vai evitar que ela adoeça algum dia…são coisas de criança mesmo…assim foi com o Davi e hj ele está grandão…e assim vem sendo com a Lulu…
    Pra amanhã te desejo muito mais felicidades e te sugiro que vc faça o que é mais gostoso pra gente…beije e cheire muito seu filhote…pq depois de amanhã ele já não será o mesmo de amanhã e assim sucessivamente…faça o que vc tem feito…pq é bom pra vc e tão mais pra ele!!!Felicidade nunca é demais!!!

    Bjs, feliz aniversário!!!

  13. Carol, que trist. Mas acho que a creche não influencia muito nesta questão de otite. Eu tenho 20 anos e todo ano tenho dor de ouvido. Sou a única pessoa "grande" que tem dor de ouvido que eu conheço. Beijos

  14. Ai, criança não queria ficar doente né, é o ó, eu tenho 3 e é horrivel, pq vai efeito dominó, uma atrás do outro, mais são fases, ele vai melhorar, mais claro que a visita no otorrino é boa né?
    E quanto ao niver, 1000 parabéns e grandes abraços.

  15. Carol, de vez em quando espio teu blog. Também tenho um filho alérgico, e essas otites de repetição podem ser da alergia, algum furo na dieta, traços na creche ou alergia a outro alimento ainda não descoberta.

    Beijos,
    Bettina

  16. OI AMIGA. VC ACREDITA QUE ACONTECEU A MESMISSIMA COISA COM MEU PIMPOLHO. ELE ANDAVA MEGA ENJOADO, FEBRIL, NÃO DORMIA. EU LIGUEI DUAS VEZES PRO PEDIATRA DELE, ELE DISSE QUE ERA DENTE. MAS NADA ADIANTAVA. ATÉ O DIA QUE DEU 39 DE FEBRE NELE. RESOLVEMOS LEVAR ELE AO PS. ELE ESTAVA COM OTITE FORTISSIMA, ENTROU NO PEDIATRA. EU ME SENTI TÕ CULPADA POR TER DEIXADO ELE SOFRER POR TANTO TEMPO… AI QUE ODIO DISSO!!! MAS FAZER O QUE, MÃE DE PRIMEIRA VIAGEM… BJUS

  17. OI AMIGA. VC ACREDITA QUE ACONTECEU A MESMISSIMA COISA COM MEU PIMPOLHO. ELE ANDAVA MEGA ENJOADO, FEBRIL, NÃO DORMIA. EU LIGUEI DUAS VEZES PRO PEDIATRA DELE, ELE DISSE QUE ERA DENTE. MAS NADA ADIANTAVA. ATÉ O DIA QUE DEU 39 DE FEBRE NELE. RESOLVEMOS LEVAR ELE AO PS. ELE ESTAVA COM OTITE FORTISSIMA, ENTROU NO PEDIATRA. EU ME SENTI TÕ CULPADA POR TER DEIXADO ELE SOFRER POR TANTO TEMPO… AI QUE ODIO DISSO!!! MAS FAZER O QUE, MÃE DE PRIMEIRA VIAGEM… BJUS

  18. Ai, Carol que saco, viu? Mas acho q vc ta fazendo o seu melhor, inclusive na parte de curtir! ehehehe
    Parabéns por amanhã!
    Longe de mim, carioca, querer dar dicas do que fazer pra vc, praticamente portenha! Mas me lembrei do aniversário do maridón em 2008, qd estavamos em Buenos Aires e comemoramos num restaurante indicado por um amigo q morava api, Campo Dei Fiori, massas bem gostosinhas! Deu saudade! Beijocas e parabéééééééééns por amanhça!

  19. Oi Carol!
    Meu Pequeno, que é super, mega, ultra alérgico, já teve 5 otites. Pode ser da alergia, que como alguém já disse, causa refluxo e vai para o ouvido. Do mesmo jeito que vai qdo o bebê mama deitado. E ó: ele nem vai à creche! Melhoras pro lindinho e parabéns pra lindona!
    Bjs!

  20. Tadinho, melhoras pro Lucas. Fica atenta sim com essa coisa de otite. Sem querer te assustar, mas já assustando um pouco (sorry…), eu tive tanta otite quando bebê que meu tímpano rompeu. Só resolvi mais velha, com 12 anos, dp de uma timpanoplastia. Lembro das dores de ouvido, muito ruim, muita dor. Com essas coisas, não dá pra brincar.

    E essa coisa da creche ligar por uma emergência médica realmente é braba. Lembro do dia do vômito brabo, da ligação e dessa sensação de querer largar tudo para dar atenção ao que realmente é prioritário na vida. Horrível, mas passa. Dias melhores sempre vêm.

    bju

  21. Oi Carol! Feliz Aniversário! Q Deus te abencoe muito muito!

    Minha filha quando bebê teve uma otite atrás da outra. O Pediatra achou q era alergia ao leite mas, nao era. Ele fez nela um tratamento a base de vacina. Aqui no Brasil é um tipo q vende em farmácia e vc pinga umas gotinhas todos os dias na linguinha do bebê (Aminovac).Deu muito certo. Gracas a Deus resolveu na época! as otites (mensais …affffffff) sumiram. Agora, ela maiorzinha,iniciamos um tratamento com vacinas dadas por alergista, por indicação do proprio pediatra. Gracas a Deus estamos vendo super resultados. Vai passar, viu? Beijos beijos Meg Lima

  22. Darling, parabéns! É HOJE!!! Desejo um dia magavilhoso, ao lado dos homens da sua vida, que luquitchas melhore desta otite chata e que vcs celebrem a vida todososdias!

    Te ligo mais tarde, babe 😉

    bjus, ju

  23. Oi Carol! Acompanho o seu blog há algum tempo, tenho duas filhas, uma de dois anos e outra de cinco. As duas são alérgicas, a maior tinha muita sinusite qd entrou na escolinha e a menor logo com um mês já começou com bronquiolite, foi assim que procurei a homeopatia e a vida delas e a minha mudaram. A imunidade delas melhorou muito! Para essas coisas a homeopatia dá um resultadão! mas tem que ter paciência, confiar, dar o remédio certinho que, num belo dia, ela nunca mais terá otite.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *