pois é, gentes.

mês que vem, Luqui-baby começa sua aventura no mundo das comidinhas (mas jáááááá???!!! #todasgrita). Daí que, como meu dinheiro ainda não tá dando na árvore (aaaaaaaaaah, #todaslamenta), preciso me planejar com certa antecedência pra comprar os acessórios da nova fase de alimentação do meu filho, este quase adolescente do mundo bebezístico.

Cês ajuda eu?

Primeiro, o cadeirón: eu tinha pensado em comprar essa coisica-fofa aqui, ó:

mas, já me falaram que o bebê fica socado ali dentro e, pros que ainda não sabem sentar direito, pior ainda, não dá sustentação. Fora isso, minha mesa não tá lá essa brastemp, então eu teria que trocar a mesa também, olha que baratinho! Olha que econômico! Olha que prático! Não, brigada.

Neeeext.

Aí pensei em comprar isso aqui, ó:

Chama Booster Seat (coisa de gente phyna – cadeirão nada, meu filho come é na Booster Seat -, imprime loosho, concordam?). Mas aí também comecei a achar que cairia no mesmo problema da opção anterior. Nhé.

Então fiquei pensando nos cadeirões tradicionais, esses trambolhudos ocupadores de espaço. Como eu nunca pensei em ter um desses, faço a menor idéia do que preciso considerar. Quais marcas são mais legais? Alguma coisa em especial que preciso prestar atenção, moças sabidas?

Fora isso, pensei nos acessórios também: precisa prato, talher e copo, certchu? Daí, a ingenuidade que vos fala achou que era só ir lá e comprar o mais colorido, barato, amigável possível e tudo bem. Mas, de novo, já me mandaram comprar coisas térmicas (dessas que mudam de cor pra indicar se tá muito quente ou muito frio e evitar soprar na comida da criança) e também soube que existe todo tipo de copo: de transição, de treinamento, de 6-9 meses, de 9-12 meses… ai meus sais maternos compradores de enxoval, alguém me ajuda?

E vamos todas combinar que dar leite no peitão é o que há de mais simples, prático e barato?

(mas tudo bem, tô até animada pra ver Luquinhas fazendo zona com as comidas!)
.
.

45 respostas em “Consultando as universitárias – quem diria que ainda tô pesquisando coisas pra comprar?

  1. Carol… eu tenho a tal Booster (que eu sou pobre e chamo de cadeirão mesmo), e é tuuuudo de bom. Se o Dudu vomita nela, ponho no tanque, jogo agua e ta nova. Se ele quer assistir desenho, boto ele sentado nela que ele fica quieto (e amarrado) até eu resolver tirar ele dali, e se adapta a qualquer cadeira do mundo. Não é super cara, e vale mesmo a pena. O Dudu usa desde que começou a comer até hoje (ele tem 2 anos e meio), e olha que ele ainda vai usar por um bom tempo.
    Tem outra, vc pode levar ela em restaurantes e afins (e ela desmonta para levar no carro).
    Espero ter ajudado.
    Beijinhos,
    Fer
    http://coisasdududu.blogspot.com/

  2. Meu, esquece isso de talher térmico e tal. Você vai gastar um dinheirão comprando essas coisas que na verdade você não precisa. Simplesmente você mesma pode provar um pouco da comida do centro do pote (é a que fica mais quente) antes de oferecê-la. E dar uma boa e velha sopradinha.

    Eu uso o cadeirão da Pég-Pérego. Escrevi sobre ele, tem até foto no meu blog. Num post chamado "Nova Era, Novos Sabores". Soube que ele é bem pedido.

    Acho ele bom. Dá para inclinar o apio para as costas (às vezes a Isa fica lá brincando e começa a cochilar então eu inclino ela). Tem apoio para os pés (que ela ainda não aclança, tadinha), mesinha e bandeja removíveis (bom para limpar e também fácil de remover).

    Ele é dobrável então quando não está em uso fica encostado na parede. Tem cinto de segurança ajustável e com opção 1 e 2, dependendo do tamanho da criança.

    De boa, não fica caindo nessas frescuras todas. Compra o básico (gosto do cadeirão porque ele ensina a Isabel a se sentar à mesa para comer, é fácil para mim e também posso deixá-la lá com seus brinquedinhos, segura, enquanto lavo a louça ou coisa assim, ela gosta). Depois que seu bebê já estiver comendo você vê se tem mesmo necessidade de comprar as outras coisas.

    Espero ter ajudado, beijos.

    P.S. A Isabel não tem pratinho. Uso o que der na telha – o copinho que uso para armazenar meu leite para ela, um pratinho de plástico que eu tinha aí… colherzinha normal mas de café. Não tive problemas. Essas coisas mais elaboradas, pratinho colorido, colher com desenho e tal podem ser boas se seu bebê não for muito chegado a uma comida e você quiser incentivá-lo a gostar de comer. Mas se não não acho necessário – a não ser que você realmente queira, rs!

  3. Ai, Carol, cadeirão é arrependimento na certa! Eu comprei para meu 1o filho, mal usava, aquele treco horroroso no meio da minha sala… logo despachei para casa da sogra fué fué fué.
    O que eu usava mesmo era o bom e velho carrinho… Com minha filha já providenciei logo um carrinho desses "guarda-chuva". Comprei um da Chico, super levinho, excelente. Era nele que a pequena fazia as refeições. Foi ótimo.
    Acessórios: pode comprar o mais barato. Prato térmico é a maior furada, também comprei e nem usei. O que vc precisará é dessas colheres com a ponta envolta no silicone. Copinhos de transição eu também usei, mas não lembro de ter idade. Foi um só dos 6 aos 18. Meses, por favor.

    Beijinhos pra vcs! E não vejo a hora de ver fotinhos do fofucho todo lambuzado de papinha!!

  4. Carol, a cadeirinha da Bia é tipo a primeira, de encaixar na mesa, mas é da Chicco. Nós gostamos muuuuito. Só q ela não é indicada pra mesas de vidro nem de pé no centro! Mas como vc teria q trocar de mesa… realmente há que se pensar!

    Beijos,

  5. Querida, se prepara pq os gastos não acabam nuuuunca !!!
    Eu tive o cadeirão, eu curtia mas minha cozinha era grande coisa e tals … para sair eu tinha a tal cadeirinha que encaixa na mesa, ficava no carro, realmente vc precisa confiar na mesa.
    Tenho amigas que têm o tal booster e adoram, eu acho que em funcão custo/benefício é bacana.
    Agora independente pelo qual vc optar acho importante o momento 'comer' tenha a rotina de sentar à mesa, desde sempre JP senta à mesa, mesmo qdo seus almoços eram por volta das 11h30m ou 12h em ponto, eu sentava com ele e hoje esses momentos café-damanhã/almoço/jantar são mto tranquilos
    bjo
    Li
    londrescomfilhos.blogspot.com

  6. Carol, sabe onde eu dava a papinha da Maria Beatriz? No bebê conforto, aquele que a gente acopla a uma base no carro. Forrava ele e mandava brasa. Não gastei dinheiro nem com cadeirão, nem com cadeirinha e muito menos booster (que, para mim, é aquele assento de carro para crianças que já passaram da cadeirinha mas ainda não tem altura para o cinto de segurança). Bjs, Luciana

  7. Carol, aqui eu tenho essa cadeira da Fischer Price (o superduperbooster) e eu acho ótemo. Quando começou a usar, a Helena já tinha 06 meses e ficava sentadinha. Ela se deu super bem, e só agora de vez em quando reclama por ficar ali. Vantagens que vejo nele:
    – foi beeeem barato (20 dolares no ebay)
    – facílimo de limpar (acredite, isso é importante, visto o que eles fazem com a comida)
    – fácil de transportar
    – pequeno, não fica trambolhando em casa)
    – seguro, fica bem preso na cadeira mesmo agora que a pimentinha desenvolveu um ultimate método de tentar levantar a cadeirinha com ela dentro
    – permite que o bebê participe das refeiçoes em família: a gente empurra a cadeira até a borda da mesa e comemos os três juntos (quer dizer, eu fico dando comida para ela enquanto o pai come e depois a gente troca, mas o que vale é o momento integração família) desde sempre.

    Pratos: ganhei um daqueles plásticos de dois andares, com tampa, no chá de bebê. Dava a comida nele até que me liguei que oooooooooooi, ela não vai jogar o prato no chão. E então passei a dar em um prato fundo de louça daqui de casa. Dou no prato fundo porque primeiro eram papinhas, mais molengas. Agora que é comida normal, ela AMA comer sozinha e amiga… no prato raso é só espalhação de comida. Sem condiçoes. Mas continuo usando o dois-andares com tampa para sair: coloco o salgado em um andar, a fruta no outro, tampo tudo e coloco na sacola. O bom é que dá para esquentar e servir lá mesmo. Se fosse você, eu compraria um plástico com tampa só para sair. Não precisa ser dois andares. Um só já resolve, porque vc pode levar a fruta em outro pote. No começo (que você dá comida só para o bebê em casa, mesmo), use os seus de casa, eles já estão aí e vc não precisa gastar nada.

    (continua)

  8. (continuação)

    Talheres: uma fono conhecida minha me orientou a usar primeiro uma colher macia, de silicone, depois uma colher de metal com ponta de silicone e depois uma normal. Eu também tinha ganho uma dessas térmicas macias de silicone no chá de bebê e comecei com ela. E com ela ficaria para sempre se não tivesse perdido a danada. Pouco antes de perde-la, minha cunhada me deu algumas que ela tinha sobrando, das de cabo de metal com a ponta de silicone. Usei por nem duas semanas, quando a Helena passou a se irritar porque cabia muito pouca comida nelas (why so ogra, filha?) e parti para a colher de café, de metal, normal, daqui de casa (inclusive fiquei feliz porque, oi? quem usa a colher de café que vem no faqueiro que a gente ganha de presente de casamento?).
    Sobre o fato de ser térmica ou não, amiga, vou ser sincera: QUAL MÃE que confia na cor da colher e não dá aquela "provadinha" na temperatura antes de oferecer a comida para a quiança? Não as que eu conheço. Eu fecho a boca, encosto a comida no meu lábio e ponto final. E outra (e agora falo e saio da sala, com as odontopediatras correndo atrás de mim): se a comida estiver super quente e a colher mudar de cor, o que você vai fazer? Ficar hooooras ali esperando esfriar naturalmente com o bebê se esgoelando ou dar uma assoprada gostosa na papinha e resolvido?
    Resumo do discurso prolixo: se fosse hoje e eu não tivesse nenhuma colher, eu compraria uma dessas molengas toda de silicone (porque tb não existe mãe no mundo que não tenha medo de machucar o bebê com a colher), sem ser térmica (partindo do pressuposto que a não térmica é mais barata). E depois dessa, partiria de vez para a colher de café do faqueiro presente de casamento.

    Copos: eu usei um método científico super controlado para comprar um copo para a Helena: comprei o único da loja que não fosse azul nem rosa. Então a pequena tem um lindo copo verde, de bico flexível, que era indicado para bebês a partir de seis meses. Ela usou muitoooooooo esse copo e ainda usa até hoje quando fico com preguiça de molhadeira. Nas outras situações, toma no copo normal mesmo. Desde sempre (depois de 06 meses) ofereci coisas no copo normal para ela. Hoje, ela toma no copo normal, no copo verde, mas o que curte mesmo é gargalo de garrafinha de água mineral e um squeeze que ganhou de lembrancinha em um aniversário.

    Que eu me lembre é só esse POUQUINHO de coisa… hahaahha.

    Beijos!

  9. Oi Carol, ia sugerir exatamente o que a Luciana falou, dar a comida no bebê conforto ou no carrinho mesmo, pelo menos até o Lucas sentar bem. Eu gosto muito do primeiro, já tive um e o que mais gostava era poder levar para os restaurantes (compramos pra isso na verdade) e não ter que me preocupar se tinha cadeirão, se era firme muito menos com a higiene. Em casa tinha um cadeirão tradicional e não recomendo, não pretendo repetir a dose.
    Quando aos utensílios, na verdade não precisa comprar nada, tenho certeza que em casa você tem prato e colher, mas a verdade é que a gente gosta então … compre um prato de plastico simples, mas de qualidade e seguro para a saúde e um colher de "cabeça" pequena para começar. Copo de transição só se você quiser, por que pode ir direto pro copo normal, na creche do Guilherme em Brasília era assim até para o leite.
    BEIJOS e boas compras.

  10. Carol, com a Ciça tive cadeirão normal e, além de ocupar muito espaço, usei pouco, pois, com pouco mais de 1 ano, ela já não queria sentar lá de jeito nenhum. Comprei mesinha e cadeirinhas de plástico e ela passou a comer lá.
    Com a Clarice, tive estes dois modelos que vc postou aí e o que mais deu certo foi o segundo, o booster.
    Ele fez tanto sucesso aqui em casa que até a Ciça usa, para ficar numa altura legal para sentar à mesa. Comprei num brechó, de segunda mão, e foi o melhor investimento.
    Quanto a pratos, copos e colheres, eu acho que bastam ser BPA Free. E vá comprando aos poucos, pois às vezes eles nãos e adaptam aos bicos. Eu comprei vários Avent para Clarice e ela só bebe água e suco nos bicos de treinamento da NUK (eu tinha uns aqui, que eram da Ciça), ou seja, preju, né?
    Compre um, teste, veja como ele se adapta.
    Eu não sinto falta de colheres térmicas, ela tem várias, mas acaba preferindo justamente as colheres de chá de inox que temos em casa, ahahah! Hoje uso qualquer uma, mas no início preferia as molinhas. Prove sempre as comidas para ver a temperatura, assim vc não fica dependente das térmicas.
    Beijos

  11. carol,

    CADEIRA:
    tenho duas cadeiras de madeira old style desde alice, uma em casa e outra na sogra. alice usou muito e agora é a vez de arthur… confesso que é um trambolho e não combina com a minha decor… mas é o que tem pra hoje. uso para deixava arthur preso para ver tv e tal.

    minha prima tem uma destas super mega power e é massa, desmonta e compromete menos o visual da sala.

    olha diante da minha experiência com as duas e com a experiência da colega aí de cima, eu compraria o booster. realmente parece mais versátil, mais prático e mais útil!!!

    o problema do carrinho é que não dá para ter aquela liberdade de fazer lambança taõ gostosa… só de pensar em desmontar tudo pra lavar, me dá preguiça!!!!

    voto no BOOSTER!!!

    PRATO:
    me chame de consumista, mas pratinho colorido é tão baratinho… eu e marido tínhamos aquele prato quadradinho de inox com uns bichinhos em baixo relevo e alice comeu neles até outro dia (o meu ficava em casa e o do pai ficavam na sigra). agora é arthur!

    TALHERES:
    a colher com ponta de silicone é muito útil no início. acho que vale pagar por ela sim… mas não faço questão que mudem de cor… a ponta de silicone nos dá mais segurança para começar nesta aventura, pois não tem jeito de machucar ou agoniar o bebê. eu tenho várias, mas basta uma!

    COLHER DE INOX:
    não é essemcial, mas é muito durável… alice ganhou dois kits e ainda tem as minhas de quando eu era pequena. ainda temos a colher de prata que foi do meu avô bebê, usada por ele até o final da vida – 100 anos é mole!!!

    POTINHOS:
    para levar comida para os lugares qualquer potinho serve, garanta que não tenha BPA para poder esquentar as coisas nele, inclusive no microondas (sim, eu uso! em emergências, mas uso).

    PANELAS:
    se vc tiver panelas de vidro ou de inox, não precisa investir naquelas panelas esmaltadas (ágata, né?) – eu tive e são pouco práticas, arranham, queimam a comida, não gosto…

    mas se suas panelas forem de alumínio ou de terflon, please, compre uma para fazer as papainhas e sopinhas dele. essas substâncias passam para a comida e são tóxicas.

    espero ter ajudado!

    não sei como você sistematiza esses pitacos todos para tomar a decisão o_O

    beijoca

    mari
    viciadosemcolo.blogspot.com

  12. Oie!!Carol eu tenho a booster e foi ótimo, meu filho usou bastante mas agora está lá jogada as traças, agora pra comer é sentado na cadeirinha e mesinha dele, aquelas baratinhas de plástico sabe? Mas recomendo a booster sim, é fácil na hora de limpar, dá pra levar a outros lugares, virava e mexia levava pra restaurante, achava mais segura que os cadeirões que eles oferecem, recomendo.
    Quanto as outras tralhas comprei dos baratinhos mesmo, comprei vários para ele se animar com pratos novos, acho bobeira esses térmicos, são muito caros e se usa pouco prefiro vários bem coloridinhos,heheh
    bjs
    http://www.pequenosmimosdapri.blogspot.com

  13. Carol, gosto de ser prática e não sou de muito fru-fru. Comprei o cadeirão pro Arthur, desse grandão mesmo. Paguei caro, mas compensou muito! (comprei o da burigoto peg-pérego prima pappa diner) Ele e confortável, fácil de limpar, tem uma bandeija a mais que vc tira pra lavar, ele inclina, abaixa, tem rodinha… enfim pra quem não gosta de fru-fru esse tem um monte!

    No início vc vai precisar de uma colherzinha de silicone pq o bebê vai morder a colher, então tem q ser pra não machucar a gengiva dele. Eu comprei um pratinho de plástico com tampa, é bom pra poder levar pra qualquer lugar, e de plástico pra que se ele resolver bater as mãozinhas achando tudo aquilo lindo não quebre… isso já aconteceu muitas vezes e como usei de plastico o problema era só o alimento no chão.

    Depois de um tempo q ele estiver habituado (leva uns 2 meses ou mais), pelo menos eu, já comecei a usar pratinhos de vidro e colheres de inox mesmo…

    Então… acho q não precisa tantos acessórios assim… ah, vai precisar de um copo pra água e um pra suco. Isso não da pra não ter.

    É só…rs

    beijos

  14. Nossa, as meninas deram dicas luxuosíssimas. Nem li todas, mas soltar meu palpite.

    Inicialmente, pro Otto comprei o mega trambolhão do cadeirão. Beleza, quando se está em casa. E se tu for comer uma parrilla charmosa por aí, vai ter que levar o danadão? Depois, de muito insistir no trecão, minha amiga me deu de presente (na certa, com dó) o booster.

    E ó: MARAVILHA! Dá pra colocar em cima da cama, em qualquer cadeira, levar pra qualquer lugar. E o Otto usou até 2 anos e pouquinho. Ma-ra-vi-lho-so.

    Pratos: daqueles redondos com tampa e térmicos. Os da nuk são ótimos.

    Colherzinhas, no começo as de silicone. Não machucam as gengivinhas, nem qdo eles resolvem mordê-las.

    Beijo

  15. Carol, nao compre caideiraaaaaaaao! Eu tenho as 2 opcoes que vc colocou: a de encaixar na mesa tenho uma da Chicco luxo, que gira 360 graus, entao da pra virar o baby pra vc, pra tras, pra qualquer lado pra dar comida ou mais tarde ele comer sozinho na mesa. Acho excelente a ideia de comer em familia. Nao gosto dessa coisa do bebe ali, excluido no seu cadeirao nao.

    Usamos a cadeira da Chicco MUITO ate uns 18 meses. Ai Bebella resolveu que nao queria ficar parada pra comer, e entao compramos o booster seat. Ela AMA. É só falar "vem comer" que ela corre e senta e coloca a bandeja sozinha (amor) e come feliz. E dá pra usar no chão, dá pra acoplar na cadeira, dá pra dobrar e levar pra um restaurante, pra minha sogra… Enfim, talvez se fosse hoje teria comprado só a booster direto. Acho a melhor escolha.

    Bjos

  16. Ah, e outro ponto contra o cadeirao: o espaco. Vc mora em ape como a gente morava e nao tem condicoes ter um trambolho desses. Vc vai ver como a medida q cresce a quantidade de tralha aumenta e muito. O tanto de brinquedo gigante e barulhente, ai Deus…

  17. Carol,

    Vou te falar a minha experiência. Eu comprei a primeira cadeira e amei. Mas não comprei para usar em casa e sim para levar com a gente onde fôssemos. É mega prático para comer em restaurantes (e na casa dos outros). Pelo menos aqui, os cadeirões, quando os restaurantes têm, não são muito seguros (a maioria não tem nem fivela pra prender, pasme).

    Daí não comprei outro para usar em casa (sabe comé, um ou outro)e dei comidinha no carrinho. Isso que a Mari falou é verdade. É um saco ficar limpando toda hora. Eu passava paninho pra tirar o excesso e só o lavava no domingo (até porque lavar todo dia não rola, porque ele não secaria a tempo)

    Mas vou te falar uma coisa. A Manu, ficou sentada para comer dos 6 meses aos 12, ou seja….vida útil lá em casa foi de 6 meses (aff).

    Agora eu até levo a cadeirinha de mesa pra onde vamos, mas ela não fica mais do que 15 minutos.

    Resumo da ópera. Se não for muito caro este booster, vai nele. Pelo menos não será um trambolho na sua casa, como a Dani falou.

    Quanto a pratos, colheres e afins, acho que a Mari já falou tudo. Eita mulher organizada, sô!

    bjs,

  18. Carol, eu tive o cadeirão trambolhão e Ísis usou desde os 6 meses até 2 semanas atrás (2a5m), mas ele é útil se vc tem uma casa grande…já nas saídas eu senti muita falta de uma cadeira portátil, então acho que esse tal booster (eu nunca havia visto, hehe) parece ser a melhor opção.

    Sobre pratinhos, talheres e afins: usei os comuns de plástico (prato) fundo da Nuk. Colher usei da Nuk também, mas a comum, de silicone, que recomendo no início, depois pode ser as de alumínio/plástico, mais durinhas, que facilita para a criança comer sozinha.

    Sobre mamadeiras…compre uma e teste…não faça como eu que comprei várias, a Ísis não se adaptpu com os bicos e tive que trocar tudo. Aqui em casa funcionou super bem as da Nuk – mamadeira e copo de treinamento, com as alcinhas, mas o bico de treinamento a Ísis nunca quis saber, só usa o da mamadeira mesmo.

    Beijos,
    Nine

  19. Carol, sou fã do booster!
    Até já falei lá no blog dele.. http://2-ao-quadrado.blogspot.com/2011/05/cadeira-safety-1st.html

    Na época da Júlia eu tinha um monte de pratinhos, colherzinhas e tal… com a Joana já fui mais prática. Os pratinhos – que na verdade são uns potinhos – eu comprei de vidro (pq na época não encontrei os BPA Free) com tampa. Cozinho as papinhas para a semana e congelo. Facilita um monte a vida.

    Colherinha eu uso de plástico ou então as de casa mesmo… depende do humor. Mas não consigo ficar sem a sopradinha… juro que tento, mas não rola!rs

    Boa sorte nas compras!!

    Beijos

  20. Carol eu tenho o primeiro cadeirão q fica preso na mesa, eu AMO.
    Super seguro, a criança nao fica socada nao!
    Eu comprei pra anna ela tinha 5 meses, nao sentava ainda, mas super ficava bem la dentro como AINDA fica, com 10 meses!

    Indico!

    Bjso

  21. oi Carol, eu comprei a cadeira Guzzie+Guss depois de um milhao de pesquisas. Eu adoro, além de moderna é higiênica, ou seja, fácil de limpar, comporta bem minha filhota desde que ela começou com as papinhas. É super confortável e excelente se vcs querem que o filhote participe das refeições em família, pois é conforto e sustentação garantidos. Comprei aqui no Canadá, precisa ver se tem aí na Argentina. o link é esse http://www.guzzieandguss.com/guzzie-guss-highchair-p-3414.html

    Quanto ao pratinho, comprei um monte de breguedé caro mas depois vi que é tudo bobeira, hoje (aos 9 meses) a Clara come no prato e na colher que tiver mais fácil de pegar… Mas no início usei colher de silicone e tals, é boa, curti, mas marido foi logo cortando isso… e depois que ela começou a creche então, acabaram as frescuras!

    Boa sorte na pesquisa!

    Gabi

  22. Oi Carol!
    Comprei a booster, mas não foi dessa não. Da Fisher Price mesmo, mas uma de 3 cores, com regulagem de altura.
    Dá uma olhada!
    Amo!!!!!!!!!!!!!!!!
    Uso demais e nem ocupa espaço!
    Comprei com a Bia mais velha, 8 meses. Até então usava o bebê conforto! É ruim por causa da postura da criança… Faz uma diferença giga!
    Beijos em vcs!!!

  23. Opinião de leiga mão de vaca, aceita?

    Só compra o cadeirão. O resto usa igual de adulto… O prato, a colher de chá (no começo). O copo compra aquele que se o baby virar não derrame. SÓ!

    Rsrsr. Mas decidindo o que decidir, estaremos aqui pra rir nos próximos posts…. BJS

  24. Carol, eu comprei TODA A PARAFERNÁLIA!
    Meu conselho é: só compre o cadeirão!
    Afff
    no começo eu dava comida naquela cadeira minha infancia da fisher price. Aí me disseram que fazia mal pq o bebe comia meio inclinado. Acabei me rendendo ao cadeirao! ÓTIMO! Além de Olívia passar a comer memlhor, ainda tem a opção de tirar a bandeja e colocar ela na mesa com a gente!! Super recomendo!

    Colheres e pratos e talheres? BESTEIRA! Comprei milhares, termicas e nao termicas e sabe qual uso? A de chá do meu faqueiro normal! hahaha As termicas sao furadas pq nenhuma mae confia naquilo! Eu mesma sempre provo a comida antes pra ver se está bom! haha Nao adianta, nao confio e nao acredito. Até pq ela muda de cor com qualquer coisinha. Se depender dela, Olívia come comida fria! hehe

  25. Carolita, a pobre que vos fala te dará a sua (tb pobre) opinião.
    Pq além de pobre, eou prática beim!
    Eu não tenho cadeirão e me arrependi de não ter comprado um. Se fosse montar o enxoval hoje eu teria um, ou um booster, ou esse de colocar na mesa. Pq Rafael come no carrinho e faz a maior lambança. Estão saindo os dentinhos, então ele se vira e morde o braço do carrinho com a boca cheia de comida, uma belezura! Aí eu tenho que desmontar ele inteiro pra lavar, e dá tanto trabalho, que eu queria MUITO ter um cadeirão. Mas acontece que, pedindo conselhos por aí, me falaram que é meio tarde, que já já ele não vai ficar lá sentado, vai querer comer andando por aí, então já desisti.
    Quanto a colher, pratinho e coisa e tal. Eu ensaiei comprar pq achei bonitinho, e estava empolgada (isso foi na época que ele começou a comer). Tb não comprei e não me arrependo, pq ele come muito bem na colher de sobremesa e no prato normal. Quando ele começar a comer sozinho vou comprar um pratinho infantil pra ele, mas só pra não correr o risco de se quebrar na mão dele. Menina, vai por mim. A gente não erra na temperatura dozalimento não, é instinto. E a dica da amiga lá, de provar o alimento que estiver no centro do prato, super funciona.
    Meu raciocício é o seguinte: "Preciso realmente disso? Vou usar por quanto tempo? Quantos pacotes de fralda daria pra comprar com esse valor?" Geralmente eu saio do local com as fraldas kkkkkkk

    Beijo

    6 de outubro de 2011 21:34

  26. Carol,

    Comprei o cadeirão mesmo, daqueles trambolhões. Com cinto de cinco pontas, mais seguro. Até agora, Davi tem gostado bastante e tenho achado o trambolho bastante prático. Fica numa altura boa e o assento é de plástico. Pode sujar à vontade, que é molinho de limpar (já rolou até um vômito básico e eu tasquei o cadeirão direto no box – já sem a criança acoplada, claro… rsrs).

    Eu queria comprar o booster e esse outro de acoplar na mesa, mas eu ainda não tenho mesa de jantar e nem cadeiras (só na casa nova), então a melhor opção foi o cadeirão.

    Uma coisa que vc não mencionou foi o babador. Compra O MAIOR babador de plástico que você conseguir encontrar. Não usa os de tecido, porque é mais trabalho para lavar. Já vi até babador de silicone (imagino q deve ser bom, serve de babador e mordedor ao mesmo tempo, mas não usei).

    Dos talheres, comecei as frutinhas com os potinhos e as colheres q tinha em casa, pois, como vc, não tinha me preparado previamente. Antes de começar com as salgadas, gastei uma pequena fortuna com talheres de silicone (muito bom investimento), potinhos coloridos fofos (quem resiste?), cadeirão e liquidificador (q não tinha antes – o pediatra pediu para amassar os legumes no garfo, mas acabo batendo tudo no pulsar e fica bem amassado, mas sem fazer pasta, com uns pedacinhos ainda).

    Bem, é isso. Espero q ajude. Dp conta pra gente!

    bju

  27. Carol, vou por partes e te falar das minhas experiências ok:
    Cadeirão: Eu cheguei a comprar um cadeirãotrambolho pro Enzo e confesso que abandonei rapidão qdo descobri numa loja daqui o booster da Fisher Price. Acho ele ótimo, Enzo usa até hj pra comer na mesa(com 3 anos e 3 meses), só deixo sem a bandeja.
    Uso tbém com a Gabriela (9 meses) e as vezes uso com a bandeja e outras só com o cinto. Com ela usei o carrinho pra alimentar até que ela estivesse sentada direitinho (até uns 7 meses).
    Acho que esse assento é bem prático, posso carregá-lo pra qq lado (casa da mãe/sogra/amigas/restaurante) e ele é inteirinho lavável, basta botar debaixo da torneira e mandar bala na limpeza.
    Copos: Baseado na minha experiência mais recente, eu havia comprado a mamadeira da Nuk First Choice, pois foi o único bico que a Gabriela pegou….e qdo chegou a fase dos sucos eu usei por um mês mais ou menos o bico da mamadeira e depois troquei pelo do copo de transição, é uma das opções mais caras do mercado mas acho excelente e não troco por nenhuma outra marca, com o Enzo eu comprei uma infinidade, Man, BabyGo, Kuka, Lilo, Avent, etc, enfim gastei rios de dinheiro em copos e o único bico que o danado pegou tbém foi do copo da Nuk. Então qdo chegou a fase da Gabi já mandei bala nesse mesmo, rs
    Talheres e pratos: Com o Enzo eu cheguei a comprar a colher térmica, achei boa no começo mas com o tempo vc se acostuma com em sentir a temperatura na boca mesmo (eu só encosto no começo nos meus lábios) que depois optei pelos comuns, o que eu mais uso aqui são os da Kuka, acho ótimos e de tamanho ideal pra boquinha dela. Os pratos optei pela opção mais barata e que pudesse levar ao microondas e lava louças, nada de prato que pode colocar água fervendo dentro…pra mim, desperdício de dinheiro e perda de tempo.
    Ah, compre muitos babadores, se não tiver ainda, 6 acho uma quantidade ideal…os de plástico são trambolhos e muitas vezes incômodos. Opte pelos de tecido com plástico na parte interna, bem maleáveis….são ótimos rs

    Bjs

  28. Carol querida, ter filho é ter gasto o tempo todo, fato, e ter alegrias o tempo todo e mais um pouco, então compensaaaaaaa….O que não compensa é gastar além sem antes pensar, agindo por impulso…COmo vc disse q ai infelizmente o seu dinheiro não dá em arvores, vou te da um conselho de amiga ( e fãaa…uiiiii kkkk), não gaste com cadeirão, principalmente agora que ele ainda não senta firme, o carrinho ou o bb conforto com um lencolzinho em cima pra prevenior a lambança toda vai cumprir bem o papel. Primeiro pq ele ainda não senta, segundo pq vc não sabe se ele vai curtir essa nova fase de se alimentar, a minha caçulinha de 11 meses é uma bezerrinha nata que prefere mil vezes as tetas da mamãe à comer 8 colheres de almoço, e alpem de não curtir os papas tbm não curte ficar sentada, presa e parada, então é melhor vc esperar e começar essa fase com o que tem e se observar que luqui-baby (olha a intimidade) é uma bebê comilão e paciente vc investe…

    Segundo, eu smpre comprei copinho com sitema anti vazamento, o que eu achasse com preço bom, seguro e facil dos filhotes segurar, só! Da Carol (minha princesinha, sua xará) ganhei um kit desse termoativados, não compraria, ele não funciona direito, pq qualquer coisinha morna ele já muda de cor, mesmo estando na temperatura ideal , pq venhamos que ngm vai dar comida pro beber em temperatura ambiente ou gelada, um tiquim a gente aquece, e confesso q se precisar assopro tbm, e tbm cometo o erro de provar da mesma colher( tenho 4 filhos lindos saudaveis e vivos tá?!?!?kkkkk)), as colherinhas proprias eu curto, pq são macias e qdo os dentinhos estão nascendo tem vezes q eles cismam em "morder" a colher e prender com a gengiva e poderia machucar, mas não estou dizendo que não uso, claro que as vezes e que está limpa no momento e a velha colher de chá e vai ela mesmo com mais cautela LOGECOOOO…

    Bom é isso, espero ter ajudado com minha vastaaaaaaaaa experienciaaaa kkkkkkkkkkk…

    Adoroo seu blog, adoro seu filhoooooo, que bebê mais cuteeee jesuissssss!!!

    beijosss
    http://www.eunascipraamarvcs.blogspot.com/

  29. Com tanto comentários o meu parece inutil, não sei nem se vc vai ler, mas enfim, não custa arriscar…

    Primeira coisa, não se dá comida pra bêbê usando colher de prata ou de inox, é lindo, é fino, mas não rola, pode machucar a gengiva sensivel deles, hoje em dia temos outras opçoes, bora usar as de silicone, plástico enfim, feitas para bebezinhos, deixa a prata pra mais tarde.

    Segunda coisa, ainda não é hora de pratinhos tudo lindo colorido, sei que é tentador, mas o foco do seu bebe tem que ser a comida, o meu começamos com quatro meses, o potinho dele era de porcelana branca ou um de vidro liso, transparente, eu até tinha um pratinho colorido lindo, mas todas as vezes que tentei usar, ele tava mais preocupado em agarrar o prato do que comer, até hoje o prato colorido tá guardado, ele come no prato normal conosco na mesa.

    Terceira – o CADEIRAO – minha casa é pequena, então eu já sabia que não ia rolar ter um cadeirão tradicional, no inicio eu usei o maxi cosi, colocava ele sentadinho bem acomodado e era joia, não sem antes é claro, forrar assento, assim se caisse algo era facil de limpar.
    Com cinco meses e meio ele sentava firme já, então comprei o harness (http://familyaround.blogspot.com/2011/02/chair-harness.html) e esse eu uso até hoje, pok tá com 15 meses, super recomendo, vc pode carregar pra qualquer lado, se sujar é só colocar na maquina, eu sempre forro a cadeira com uma toalha, porque claro, cai comida e tals, mas é bem tranquilo e o preço é excelente, eu recomendo.
    Ah sim, pok tb gostava de comer dentro do balde, como vc pode ver na foto hahaha.

    Se tiver interesse tenho videos do pok quando começou a comer no bebe-conforto e depois no harness.

    Meu harness eu comprei na Amazon UK.

    Ter filho custa caro pra quem quer gastar, não precisa sair por ai gastando mundos e fundos, investindo em produtos que podem ser facilmente substituidos ou que nunca nem serão usados.

    Beijocas

  30. Carol,

    minha experiência:

    com meu primeiro filho peguei emprestado um cadeirão. No começo não usava pq ele não sentava direito. Eu dava a comida com ele no colo, foi a forma que eu melhor me adaptei. Depois passei a usar e logo logo ele não quis mais. Acho que com 1a2m ele já se "sentava" a mesa com a gente. Ou seja, vida útil curtíssima!

    Agora, com Miguel, nem me dei ao trabalho de pegar o cadeirão de volta. Coloco ele no colo e dou a comida assim mesmo e nos damos muito bem assim. Não sinto falta alguma do cadeirão.

    Vi essa opção aqui na internet. Não sei como funciona, mas ideia pareceu boa:

    http://www.ciadasmaes.com.br/site_/index.php/component/magebridge/catalogsearch/result/?q=cadeir%C3%A3o&x=14&y=7

    Quanto aos petrechos de cozinha: acho importante só mesmo uma colherzinha pequena, de silicone. O restante é só fru-fru. Hoje uso pra transportar a comida do Miguel (quando saímos) um pote de vidro, com fechamento hermético. Prático de tudo e não me preocupo com possíveis resíduos tóxicos que os plásticos podem soltar.

    Enfim, sou mega espartana. Chega a beirar o desleixado… rssss Mas nos damos bem assim.

    beijos

  31. Aqui em casa temos o booster e recomendo. É ótimo e Laura já ocupa seu lugar à mesa.
    E melhor: é facílimo de limpar.
    Na casa da minha sogra, temos um cadeirote tradicional. É ótimo tb, mas os pés são largos, abertos e a gente sempre acaba tropeçando neles.
    Bjos.

  32. Oi Carol,
    Eu uso uma cadeira pra minha filha que é da marca Storke, eu nao sei se tem ai na Argentina, aqui na Alemanha ela nao eh mto cara, pra mim as maiores vantagens desta cadeira, sao: eh de madeira, ocupa o lugar de uma cadeira normal, a crianca nunca cai da cadeira, ela pode tentar dar cambalhotas, a cadeira nunca tomba, a cadeira e regulavel, pra ser usada ate os 12, claro nao sera mais como cadeirao, mas sim como uma cadeira normal, entao a regulagem eh feita nos pes… quando a bebe deixa de ser baby e nao tem mais perigo de cair, dai vc tira as potecoes e so vai controlando altura, a crianca sempre pode ficar na altura perfeita para comer na mesa… eu adoro a cadeira!!
    A minha pequena comecou a comer sozinha a partir dos 10 meses, entao dai ela precisou de talheres especias que ela poderia segurar e levar a boca com facilidade, antes eu usava de borracha molinha q era pra nao machucar a bangela… e claro, sempre prestar atencao se o plastico nao solta nenhuma quimica etc… os produtos da Philips Avent sao super otimos, nao sei se no Brasil já existe este tipo de controle.
    Boa sorte!
    Vivian

  33. Eu também me rendi ao cadeirão. Mas do modelo básico, que esse negócio de recostar (rá! que o bebê vai dormir enquanto come) é firula. Basta ter um cinto de segurança de cinco pontos (pq eles se esticam e inclinam à beça) que tá valendo. O meu, tirando a bandeja, dá pra encostar na mesa, e é de plástico lavável. Dar comida no carrinho é fria, pq o bebê adora se esfregar na superfície mais difícil de limpar possível.

    Babador: eu comecei tentando comprar o maior possível e acabei desistindo (o bebê seeeempre descobre um local que não está devidamente forrado pra esfregar a mão suja de beterraba). Eu comprei é uma caixa de fraldas de pano, que eu amarro no pescoço do menino e rezo pra não sujar muito a roupa. Depois que as fraldas ficarem muito manchadas, vou é jogar fora e pronto.

    Vão me matar, mas já aviso: esse negócio de prato aquecido só serve pra queimar menino. Eu dou a comidinha na temperatura ambiente (como dou mamadeira na temperatura ambiente, também). É questão de costume. Eu prefiro um menino acostumado a comer tudo do que um chorão esperando a comida esfriar, ou um esganado com a boca queimada. Então, os pratos que eu uso são os simples, de plástico coloridinho (ganhei um kit).

    Colher: eu comprei as de silicone, mas o meu bacuri não gostava delas no começo (só pra brincar) pq nelas não cabia comida suficiente para a esganadice dele. Aí, usava as colheres de chá do faqueiro normal, ou uma de plástico que veio como brinde de alguma coisa. Agora, que os dentinhos estão nascendo e a gengiva do bichinho parece mais sensível, ele anda preferindo as de silicone.

    Só não esquece de fotografar, que menino lambrecado de comida é fofo! (Comece desde djá a desenvolver uma atitude zen de desapego com relação à meleca… ohmmmmmmmmm!)

  34. Êba, essa eu sei, essa eu sei! Ó, não me reprima por repetir o que está nos comentários anteriores, mas tô com preguiça de ler tudo, ok?
    1) Booster seat só é indicado a partir de um ano.
    2) A cadeirinha que encaixa na mesa é OMÁXIMO! Eu tenho essa (um modelo parecido, da Chicco), e uso desde os 6 meses até hoje. É super firme, confortável, e tem duas vantagens enormes sobre o cadeirão: 1) não é trambolhenta; 2) a criança come com os adultos à mesa – muito mais fácil pra você comer enquanto dá a comidinha dele, e estimula a criança a comer também. (talvez por isso Emília tenha começado a comer sozinha tão rápido).
    Se o Lucas não se adaptar logo, porque a criança tem de sentar bem, deixa ele comer no carrinho até lá! Emília foi usar essa cadeirinha de vez com uns 7 meses.
    A questão é só que você tem de ter uma mesa apropriada… mas eu super recomendo! (ah, e dá pra levar em viagens ou restaurantes, ela é levinha e fácil de montar e desmontar).

  35. Ai, esqueci os acessórios:
    1) Compre uma colher de silicone. É o suficiente. Quando ele for crescendo, pode comprar aqueles talheres de inox pra bebês ou deixar que ele coma com talheres de sobremesa mesmo.
    2) compre uns 3 pratos inquebráveis. Pode ser esmaltado, plástico ou inox.
    3) Copinhos de treinamento, com certeza. Recomendo pelo menos 2 copos (1 pra água e outro pra suco) e uns três bicos. Você pode dar líquidos a ele em um copo normal, mas o copinho com tampa tem a vantagem que ele pode beber sozinho. Emília bebe em copo normal super bem, mas ainda levo o copinho quando a gente sai. É prático também pra beber líquidos com o carro em movimento.

  36. Ola, aqui em casa eu sempre pesquiso muuuuuito e por isso tudo foi muito peculiar, seriu tenho cada coisa que voce nem imagina (tipo aclopador para mulher fazer xixi em pé!Rá!!!!) em fim segue a lista dos itens que eu comprei: #1 cadeirao, eu quis um cadeirao, porque queria que a filhota pudesse fazer sujeira a vontade e nao me desse stress e eu poderia curtir o momento ao em vez de ficar preocupada em limpar tudo porque ia manchar ou coisa do genero, comprei esse aqui: http://www.amazon.com/Fisher-Price-Precious-Planet-Blue-Chair/dp/B002RL808Y/ref=sr_1_6?ie=UTF8&qid=1318123030&sr=8-6 porque alem da bagunça ele tem 7 niveis e assim poderia dar de comer no chao, no sofa, na cadeira, aonde quissese, e era bem barato, paguei 80dolares (comparado com os preços brasileiros) #2 os utensilios, comprei esses pratos da munchkin que grudam na mesa/cadeirao, assim poderia deixar a filha fazer arte, sem que ela virasse o prato de ponta cabeça de derrubasse tudo: http://www.amazon.com/Munchkin-Three-Stay-Suction-3-Pack/dp/B000JOT2RO/ref=sr_1_4?s=baby-products&ie=UTF8&qid=1318123428&sr=1-4, #3 ainda em utensilios, as colheres eu comprei sem me preocupar com negocio de temperatura, comoeu iria experimentar as comidas (experimento TUDO que minha filha come, até danoninho ou qualquer coisa industrializada, até o leite materno vire mexe vejo se ta "bom", rs) entao eu saberia a temperatura e nao precisar desse tipo de colher, acontece que o tipo de colher que eu queria (pode ir na maquina de lavar louça, cumprida pra nao cansar o braço e varios tamanhos para se adequar a boquinha) acabaram tenho esse negocio da temperatura, nao faz diferença nenhuma pra mim! eu comprei essas aqui: http://www.amazon.com/Nuby-4-Pack-Hot-Safe-Spoons/dp/B0037LJAL4/ref=sr_1_4?s=baby-products&ie=UTF8&qid=1318123659&sr=1-4, depois eu ganhei uma que a parte larga da colher aonde vai a comida fica de lado, para facilitar o aprendizado do bebe comer sozinho, muito legal, pena que quando ganhei a filhota já sabia comer sozinha, e achei ela grande para a boquinha dela entao acabei nem usando! #4 comprei esse saquinho: http://www.amazon.com/Sassy-30078-Teething-Feeder-Blue/dp/B0045OW4LA/ref=sr_1_4?s=baby-products&ie=UTF8&qid=1318123788&sr=1-4 para que ajudar na coceira dos dentes, voce coloca uma frutinha geladinha e o seu filho xupa a fruta e morde e coça etc… bem melhor que aqueles aneis ou chupetas com gominho (tenho uma dezena deles, comprados e ganhados) voce poe no frezer por horas e seu filho fica segundos e nao adianta nada, esse ai é bem melhor, eu adorei e super recomendo! #5 cadeirao para passeio, eu super recomendo esse de tecido: http://www.amazon.com/My-Little-Seat-Colored-Stripes/dp/B001JQLCOM/ref=sr_1_1?ie=UTF8&qid=1318123952&sr=8-1 (para quando bebe ja sabe sentar sozinho) ele é otimo, funciona em qualquer cadeira, e cabe na bolsa, se nao conseguir comprar em lugar nenhum, aconselho a fazer! seriu é muito bom, mesmo em lugar que tem cadeirao, as vezes nao tem cinto, ou a parte da frente é aberta nas pernas e o bb pode escorregar pra baixo, em fim, com isso aqui o baby fica super seguro e voce mais tranquila! …continua…

  37. …#6 para bebidas, como a baby não usa mamadeira, mama só no peito, eu com 6 meses já coloquei no copo de treinamento (acho muito estranho dar suco na mamadeira, sei lá porque, pra mim mamadeira é só leite) e ela se acostumou super bem, dei o copinho de treinamento (sip cup) da MAM, acho que todos são meio iguais, lá pros 8meses eu dei um de canudinho e ela aprendeu na mesma hora, dei esse aqui: http://www.amazon.com/Nuby-Handle-Straw-Months-Colors/dp/B000Y2GY40/ref=pd_sim_ba28, que tem valvula para não derramar quando vira ao contrario, AMEI que ela pegou o canudinho, desde que aprendeu eu posso deixar o copo com ela sem preocupação (porque o de treinamento, ela nao sabe virar e entao eu tenho que ficar segurando! engrassado que o de canudinho quando acaba e ela quer mais, ela vira, rs até hj com 1 ano). a munchkin tambem tem um igual, mas não tem essas abinhas para a criança segurar. #7 outra coisa OTIMA é isso aqui: http://www.amazon.com/Munchkin-Snack-Catchers-Colors-Vary/dp/B000GB0NZK/ref=pd_sim_ba3, você pode por frutinhas ou salgadinhos, qualquer coisa nesse copinho e o bebe pega 1 por vez, nao consegue pegar muitos, nao consegue virar e derrubar tudo e ainda aprende a comer 1 de cada vez ao em vez de enfiar tudo na boca! super util aqui em casa e não sai da mochila (é eu comprei uma muchila diper bag para o papai usar, ao em vez de usar minha bolsa diaper bag hiper feminina, acontece que o treco é tao util, que agora até eu só uso ela, rs, é essa aqui: http://www.target.com/p/Fisher-Price-Fastfinder-On-The-Go-Backpack-Diaper-Bag-Brown/-/A-13201588#asin=B004CKHCBE ) comprei algumas outras coisas que ainda nao chegou a hora de usar, entao nao posso comentar muito sobre o se foi bom ou nao. e algumas outras que me arrependi, porque usei pouquissimo, exemplo: http://www.amazon.com/Boon-Squirt-Baby-Dispensing-Spoon/dp/B001IJYNMI/ref=sr_1_2?s=baby-products&ie=UTF8&qid=1318124869&sr=1-2 acabei nao usando porque tem que ser bem sopinha mesmo, e eu nunca fiz sopinha pra minha filha, sempre deixei pedacinhos que aos poucos foram aumentando tamanho, mas sempre foram em pedacinhos, outra coisa que me arrependi foi essa: http://www.amazon.com/KidCo-Baby-Steps-Food-Carrying/dp/B00006G9LI/ref=sr_1_3?s=baby-products&ie=UTF8&qid=1318124959&sr=1-3 serve para amassar a comidinha, mas já carrego tanta coisa, que acabei deixando isso de lado quando vamos passear e amasso na colher mesmo (ah eu comprei tipo um porta escova de dente de criança, para por os talheres e levo os meus, nao confio muito na limpeza dos restaurantes). Outra coisa que me arrependi (na verdade me arrependi de nao ter comprado antes, na epoca que comprei o item já nao seria muito usado, para o proximo baby, ele será muito util – u acho-): http://www.amazon.com/Munchkin-Deluxe-Bottle-Pacifier-Cleaning/dp/B00186ZQUO/ref=sr_1_1?s=baby-products&ie=UTF8&qid=1318125123&sr=1-1 serve para aquecer mamadeiras e papinha, eu tenho um adaptador que encaixa no carro entao é perfeito para passeios, porque posso dar a comidinha fresquinha feita pela mamae em qualquer lugar, pena que na epoca que comprei, faltava 1 semana para ela começar a comer da nossa comida, entao usei bem pouco (ah e descobri que meu carro velho nao carrega porque é um acedendor antigo :S, tinha que procurar tomada nos lugares o que limita bastante o uso e ai acabou ficando de lado). Bom acho que é isso! se eu esqueçer de algo volto aqui pra contar, rs bjs e desculpa a longuissi disso aqui!

  38. OI CArol…
    sou nova aqui no seu blog.. estou adorando.. eu tenho essa mesma dúvida que vc em relaçao aos cadeirões….kkk.. Booster SEat…kkkk Olha lendo os comentários fiquei mais na dúvida ainda… na verdade ach o legal tem o cadeirão tradicional..pra deixar em casa e esse primeiro da foto pra levar em restaurantes… massss haja dinheiro…kkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *