nunca entendi esse papo que eu lia por aí de mãe com medo de dar vacina no filho e das reações que poderiam dar em seguida. Achava ba-le-la.

Mas, como todas sabemos, a maternidade é um eterno cuspe pro alto que cai bonito no meio da testa, então vamo lá: tô aqui sentada na frente do laptop ENROLANDO pra pegar o carro e ir lá dar as vacinas dos dois meses. MEDO MEDO MEDO.

Gente, não me preparei psicologicamente pra isso não! Tô com um medo tão besta que já até pedi pra moça que trabalha aqui em casa ir comigo (e cai outro cuspe na testa: a pessoa que jurou que NUNQUINHA que ia levar empregada ou babá junto nessas coisas, achava feio, burguês demais, etc etc.).

Enfins, wish me luck, gatinhas! Força no paracetamol, no colinho e na paciência endless!

28 respostas em “Medinho

  1. AI CAROL….VACINA É CHATO MEEEESMO, SEM EXAGERO!
    ESSA Q LUQUI BABY VAI TOMAR HJ, SAO 3 DOSES. AS 3 DOSES DERAM FEBRINHA NA ANNA…
    MAS CAAAALMA, FEBRINHA MSM TA, NADA 39!!!! RS
    EM 1 DIA TA TD NORMAL AGAINN!!!!
    FICA TRANQUILA. FACIL Ñ É Ñ, MAS NG MORRE DISSO! RS

    FORÇA NO TYLENOL BABY, NO PEITO, NO COLO E NO AMOOOOR! ISSO RESOLVE TD!

    BJOS

  2. Olha vacina tbm sempre me deixava aflita, mas hj que a Giovanna está com 10 meses já ate me 'acostumei' com a ideia se é que isso é possivel, e nesses dias a unica coisa que penso é que antes uma dorzinha do que dores piores no futuro, como diz o ditado antes prevenir do que remediar, bjocas e boa vacininha…

  3. Querida Carol. Realmente doi nosso coracao mesmo. Postei sobre isso tambem. Mas acho que esse medo dara lugar a uma sensacao otima de dever cumprido. Um bem necessario que fazemos para nossas crias.
    Boa sorte!!!
    A Sophia nao teve reacoes, somente uma dorzinha nas pernas que passou depois de 1 dia.
    Bjinhos

  4. Adorei seu blog Carol!
    Até hoje só tive coragem, ou melhor, só fui forçada a ficar com o meu bebê na vacina da BCG, as outras todas pedi para a minha sogra levar, não consigo levar, choro e muitas vezes fico pensando em nem deixar colocar a agulhinha nele. rsrsrsrs
    Coisas de mães né? Mas um mal que vem para o bem.

    Beijos Ca

  5. Carol, eu poderia ter escrito a maior parte dos teus últimos posts…
    Sobre as vacinas, aqui fiquei enrolando ingualem. Se te consola, morri mil vezes (e chorei junto) quando ela tomou as picadas… mas a Helena teve ZERO de reação depois a todas as vacinas que ela já tomou até hoje nesse primeiro ano de vida.
    Espero que o Lucas seja igual

    Vou aproveitar e já responder pq dei mamadeira de leite em pó para ela: porque eu já não estava conseguindo tirar leite com a bomba. E começou a ficar difícil, por causa do trabalho, estar sempre em casa para a mamada das 13 horas.
    Mesmo qd eu não estava em casa e ela pulava essa mamada (ou seja, peito cheio), eu ficava quase uma hora na bomba mais potente da medela e tirava uns 50 mL. E ela mama uns 200 cada vez. O estoque foi baixando até ficar crítico – mais duas ou três mamadas que eu não estivesse em casa faltaria leite. Resolvi testar se ela pegava o NAN (algns nenes não pegam) antes que ela ficasse sem nenhum.
    Mesmo depois de iniciar o NAN, ela ainda continuou mamando no peitao (de manhã, à noite e na hora do almoço qd eu conseguia ir para casa) por um mês até começar a rejeitar o peito. Resultado que chegamos a 11 meses e meio de amamentação, o que eu acho muito bom considerando a minha realidade.

    E pode perguntar, viu? Sempre

    Beijos!

  6. oi carol vou dividir com vc minha experiencia da vacina dos 2 meses… minha filha tomou eu aguente firme e forte acalmei el tudo lindo voltamos pra casa e duas horas depois ela acorda em prantos como se alguém tivesse batido nela um choro que nunca tinha vista que nada passava era uma dor que nem ela conhecia e por isso ficou desesperada depois de meia hora tentando de tudo pra acalma-la dei o tylenol bebê pra ela e continuei tentando acalma-la conclusão ela ficou chorando por mais uma hora toda vez que eu respirava jah que ela grudou no meu pescoço e nao largou mais tive que ficar 5 horas agarrada nela até ela dormir e relaxar e o remédio agir foi punk mais depois disso teve febre de novo de madrugada e depois passou ………. desejo muita sorte pra vcs e que o lucas nao seja tao reagente assim com essa vacina =D

  7. Oi Carol, nem todas as crianças tem reação as vacinas, lembro quando minha afilhadinha teve que tomar uma bendita que nos deixa uma marca eterna- Eu fiquei com ela no colo pois minha amiga quase se desmanchou de tanto chorar, eu achei RI-DI-CU-LO kkkk… claro que eu AINDA não sou mãe,e quando eu for CLARO que levarei UMA AMIGA para segurar minha cria, pq com certeza vou ter um ataque do coração, rs …

    Adoro seu blog!

    Super beijo e vai dar tudo certo, depois nos conte se deu alguma reação em seu filhotinho.

  8. Liga não que eu chorei em praticamente todas as vacinas do Bryan, e as mães ficavam espatandas com minha reação, mas sou manteiga derretidona mesmo e até hoje brigo para não levá-lo,mas sei da importância que é levar uma agulhadinha!
    bjos

  9. Own Carol! Sabe que essa tarefa eu deixo pro papai!? Meu coração não aguenta não! Pra mim fica o consolo e os beijinhos e abraços depois da picada. Mas meus fihos nunca tiveram reação a nada! Vai que ele tb é assim?!

    Bjkas e boa sorte!

  10. Dá medo mesmo, eu não entrava com ela enquanto estava no Brasil, ia o Ben ou minha mãe. E eu lá fora chorando com o choro dela. Mas chegou aqui e não tinha jeito, ou era eu sozinha ou não era. E as enfermeiras aqui não tem dozinha não. E torciam o nariz quando eu começava a chorar (e olha que eu chorava em silêncio, segurando ela firme, mas as lágrimas escorriam).

    Maaaas, veja bem, em termos de reações cada bebê é um. E graças a dios Bebella é dos que nunca deu reação nenhuma. Nada, zero, nunca nem tomou paracetamol pra isso. Só chorava na hroa da agulhada e depois era como se tivesse dado água. Ufa.

    Espero que Lucas seja do time sem-reação dela!

    Bjos

  11. força na peruca, gatã.

    Te confesso que domorei muito pra tomar coragem pra levar Luquinhas pra tomar vacina.

    Segurava a perninha e olhava pro outro lado, pra não ver a picada.

    Mas depois dá muito colinho.

    beijos

  12. É assim mesmo, eu nunca entrei com o João p/ tomar vacina, sempre sobrou p/ minha mãe,e com a princesa está sendo da mesma forma, eu tenho tanta pena que acho que se vir não deixo furar minha filhota, muito besta isso né, mas é coisa de mãe mesmo.
    Bjs

  13. E aí tem vacina dupla? Me pisoteia o coração essa maldita: quando Lorz se acalma de uma fincada e acha que acabou, lá vem a outra! Ódio eterno…
    Esse mês, thanx God, é a última dessa laia!

    Ah o Lorz, thanx God², nunca teve reação.

  14. Li seu blog compulsivamente do começo ao fim!! A-MEI !! Você tá grávida (tudo bem, o Lucas já nasceu! Mas a minha ainda está na barriga, então releva…rs), mora em Buenos Aires (AMOOOO) e é mega engraçadaaaa!! Adorei,parabéns,me diverti horrores,tô enxugando as lágrimas ainda e meu marido me olhando com uma cara esquisita…rs Agora ficarei na expectativa das notícias do Lucas!! Parabéns!!

  15. Carol, vai com fe..o lance nao eh a vacina em si, eles choram por segundos e logo param. O lance eh a reaçao, mas nem todas as crianças tem. Manu teve, de leve, ficou chorosa e febril, mas nada que um tylenol nao resolvesse e no dia seguinte estava boa de novo. Bjs

  16. Acho que quando chegar a hora de eu ir vacinar a minha pequena também vou ficar postergando até não poder mais. Sofro com o sofrimento dos outros, então não vai ser nada fácil ver ela chorando… mas vou tentar sempre levar alguém mais forte junto comigo, pra me ajudar a segurar a barra.
    Portanto, leve alguém com você, pelo menos nessa primeira vez.
    Beijos

  17. Oi Carol! É a primeira vez que te escrevo. Te entendo pois vacina da medo mesmo. Minha técnica: seguro firme na mão do Bento, explico que vai doer um pouco e depois dou muito colo e carinho. Sem esquecer o paracetamol é claro. Abraços

  18. Xará, dói mais em mim do que no Théo. Ficou com o papai a tarefa de segurar o neném, e fica prá mim o dia inteiro de colo e beijos depois!
    Eu choro horrores do tipo tão matando a família dela em TODAS as vacinas!! hahahaha
    Bjs

  19. Quando o Caqui tomava vacina todo mes (ate os 6 meses, um saco), eu nao encrencava muito com vacina nao, mas agora tou toda cheia de medo tambem pra dar um reforco besta que ele tem que tomar, e a Niná tb precisa tomar vacina, e tou aqui com um medo besta… Acho que é porque sao duas criancas pra ter reacao, nao dá pra dar colinho o dia inteiro pra um deles, mas tambem nao da'pra ficar a semana inteira com reacao de vacina, nenao?

  20. domingo, vi um RN tomar 2 vacinas, 1 em cada perninha… vomitei como se não houvesse amanhã

    pode ser que sejam os hormonios da 39a semana da gravidez, mas em todo caso já avisei pro feliz papai: nas vacinas eu não vou!

  21. Carol,

    Força que isso ainda vai se repetir muitas vezes…

    Só um toque que te dou: NÂO DÊ PARACETAMOL!

    ele ajuda a dar reações e diminui o efeito de algumas vacinas.

    Aqui em SP-BR, uns 7 médicos diferentes me proibiram de dar Tylenol, paracetamol e derivados….

    O melhor é Dipirona mesmo…

  22. oie! eu sempre tive medo de dar vacina pro meu filho mas ele nunca teve reação… Só quando passamos uma temporada em Buenos Aires ano passado e ele teve que tomar antecipadamente a vacina do sarampo…
    Nessas horas (para me auto convencer) eu penso que é bem melhor a reação do que eventualmente ele pegar alguma doença e termos que ficar no hospital…
    vai ficando pior quando crescem porque daí eles choram e a gente fica com muita dó

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *