Daí que Sogrona foi embora pro Brasil e como a sorte anda do meu lado…

… Lucas passou A NOITE acordado, com cólicas. Tô desconfiada que pode ser mesmo o leite que tomo, como algumas meninas sugeriram nos comentários do post anterior. Chato é que eu tinha perguntado sobre isso pra pediatra e ela não só falou que não tinha problema eu ingerir leite de vaca, como também achou bom eu gostar e tomar tanto, meio que apoiou… vou fazer um teste e cortar o leite por 48 horas, vamos ver se ele melhora.

… Depois de dormir um soninho dos justos pela manhã (leia-se: ele, não eu), mamou um montão e… vomitou tudo. Um vômito em jato, tipo Exorcista, sabe? Sujou toda a roupa que eu tinha acabado de trocar, a poltrona de amamentação e eumerma. Uma gracinha. Não cheguei a ficar preocupada porque, na mamada seguinte, mamou bem de novo e só deu a regurgitadela habitual, aquelas 3 gotinhas inocentes de leite que escapam na hora de arrotar. Tudo certo (né?).

Mas, tudo bem, essas coisas acontecem nas melhores famílias.

Claro que Sogrona tá fazendo falta, mas até que estamos nos ajustando numa boa (fora a noite em claro e o vômito em jato). Instaurei uma cama compartilhada diurna e tô curtindo, baby fica pertinho sempre e eu aproveito melhor o tempo, acho que descanso mais. De noite eu bem que queria, mas não rola: durmo pesado demais, Maridón também, temos medo de amassar o Luquitchous. Vocês, mocinhas da cama compartilhada, não tiveram esse medo não? Como resolve?

 – não sei, mamãe, mas a sua cama é ótima!
/
/

45 respostas em “Rapidinhas rápidas para registrar os momentos que merecem – parte não sei qual de infinitas

  1. Carol,
    que FILHO LINDO!!!
    Meldels!!! Super apaixonei agora.
    Lindo, lindo, lindo!!!
    Bênção de Deus.
    Parabéns pelo filhote, mesmo!
    Beijão, Deus abençõe vocês!

  2. Carol,
    como o Lucas é lindo!!!
    Olha esse lance de comida ingerida pela mãe x cólicas no bb, muitos pediatras dizem que não tem nada a ver. Dizem que é apenas imaturidade gástrica e pronto. Mãsss, convém observar.
    Sempre que eu comida feijão, o Otto se contorcia de cólicas.
    Portanto é comer e observar e seguir com esses testes de supressão mesmo.
    Quanto a cama compartilhada, só fiz a diurna. E na única vez que fiz durante a noite, por exaustão mais que por convicção, o bb passou por cima da mãe desmaiada e pimba no chão. Ele era maiorzinho…tipo 5 meses.

    Beijo

  3. *Só pra corrigir um pequeno (grande) erro de digitação.

    Oi, Carol
    Primeiro o mais importante: o Lucas está cada dia mais fofo! Parabéns!!
    Nossa, lendo seu post deu até saudade do comecinho com minha filhota… rsrs.
    Não sei se vou ajudar ou atrapalhar, mas vale dizer o que aconteceu comigo, né? A pediatra da minha pequena fez um monte de restrições para os primeiros 3 meses: eu não podia comer vários alimentos (tipo tomate, brócolis, nada de muito feijão, repolho e outras coisas que daria cólica no bebê, além do leite de vaca – que pode provocar alergia – e, acredite! até churrasco). E vou dizer: quando inventei de comer churrasco… no dia seguinte, minha pequena sofreu horrores com cólica. Então, pode não valer pra vc o que valeu pra mim… mas, depois que me convenci que devia seguir uma dieta super restritiva (mas, ainda assim, saudável e nutritiva, néan?) minha filhotinha nunca mais teve problemas com cólica. ÓTEMO! Pra ela e pra mim.
    Quanto à cama compartilhada… eu nem posso ajudar, pq não fiz. (Eu e maridão pensamos a mesma coisa: vai que a gente amassa a tchuquinha! Meldels!) Mas o berço ficou lá, do ladinho da minha cama, até bem pouco tempo atrás (agora ela já está maiorzinha e fica no quarto dela e, posso dizer – com dor no coração – que dorme melhor lá que no nosso quarto. #morri).
    Beijo
    E, de novo, parabéns pelo Lucas!!!
    Aproveita bastaaaaante, pq passa rápido demais!!!

  4. Carol,

    Quando meu filho nasceu, a médica me PROIBIU de tomar leite de vaca, coca-cola, carne de porco e chocolate. Sabe por que? Pelo simples fato que esses alimentos passam pelo leite do peito pro bb e causam cólicas e refluxo.

    Dito e feito, só tomei iogurte natural até os 6 meses e meu filho não teve cólicas e nem refluxo (nadinha) dormia como um ANJO!

    Depois dos 6 meses fui indo aos poucos… Hoje em dia ele continua dormindo bem e come e bebe de tudo!

    Bos sorte, Luquinha ta Gatão!

  5. Aaaaa sobre cama pomaprtilhada..srsrsr Uso a técnica até hoje e não vive sem!
    Até os 4 meses ele dormia num moisés ao lado da minha cama (durante a noite) e no berço durante o dia… hoje em dia dorme dia e noite na minha cama e eu levo vários chutes…rsrsr Fica apertado, mas ja toô pensando em comprar uma cama King size…hehehe
    O berço? aquele serve de apoio para as roupas que estão pra passar (vergonhaeusei)… mas têm coisa melhor q dormir com o filhote coladinho????

  6. Carol, seu Luquinhas está muito lindo (será BEM dos Lucas?)!!!
    O meu Lucas também vomitava jatos em algumas mamadas… o pediatra dele, na época, dizia pra não me preocupar, pois se ele ganhava peso significava que ele estava mamando mais que aguentava (tipo zioão mesmo) e hiperlactação influenciavam… no inicio eu pensei de tudo, mas observando que o ganho de peso e a pouca frequencia dos jatos me acalmei e com tempo isso vai passando…
    Qto às cólicas, meu filhote também teve, mas ele era mais bonzinho e tinha das 18 às 21h, depois dormia bem (na medida que um recem nascido dorme, acordando de 3h e 3h)…
    Agora sobre a cama compartilhada: meu sono nunca mais foi o mesmo desde que o Lucas nasceu… depois da chegada dele eu acordo com qq coisa, ficou tão leve que nunca me preocupei esmagá-lo durante a noite… Eu me preocupava mais com o medo de deixá-lo cair do meu colo enqto mamava (eu dava umas cochiladas brabas) que eu passei a amamentá-lo na cama (bem mais seguro!)…
    Bjos pra vc e pro Lucas lindo… e realamente ele está com umas bochechas muito lindas e gordas…

  7. Vixi, esses "mitos X verdades sobre bebe e gestação" (como andei postando lá no Chá) é um dilema…
    mas te conto que não tomei leite, justo por muitos dizerem que não era bom, ahh tmbém não comí feijão nem chocolate, principalemnte nos 3 primeiros meses, que é a fase de cólicas dos pqnos, tente não tomar e veja o que vai dar.

    O seu Lucas tá grandão e fofo.
    Uma mãozinha de mae e sogra ajudam tanto né? eu que sei, fiquei sozinha depois que o Pedro nasceu! 🙁

    Bjinhos e uma otima semana pra vcs.
    Ana

    http://www.anaeguto.blogspot.com

    *** em tempo
    tinha muito medo de dividir a cama com o pimpas, mas amaaaava amamentar deitada, tenta e depois me diz!

  8. ai, carol, acho super chato fazer propaganda de meus próprios posts, e estou fazendo isto sempre por aqui.

    vou te indicar um post colaborativo muito legal sobre cólicas: http://viciadosemcolo.blogspot.com/2010/09/colica-do-recem-nascido.html

    queria te mandar um livro sobre sono, é um pequeninho que dá umas dicas boas sobre como fazer cama compartilhada com segurança. se quiser me mande seu endereço pelo Face, ou pelo email.

    quero te indicar mais um livro que derruba uma porção de mitos: Criando Bebês de Howard Chilton, fiz um post sobre a primeira parte: http://viciadosemcolo.blogspot.com/2010/07/meu-livro-sobre-bebes.html

    saiba que tudo isso é normal, o que vale é ir conhecendo seu bebê e aguçar o senso de observação e o instinto –> as respostas virão!

    beijoca

  9. Oi Carol!

    Minha filha não teve muitas cólicas, foram umas quatro ou cinco vezes, e muitos dizem que depende de cada bebê mas uma coisa é certa, todas as vezes que a Milena teve cólicas foram por casa da minha alimentação: feijão, repolho, chocolate e o pior, refrigerante. Sei que foram eles os vilões pq não comia mesmo, e nos dias que cai em tentação eu não dormi, pois a minha pequena sofreu horrores com as cólicas…
    Minha amiga também falou que o filho dela sofria quando ela tomava leite, eu não tive esse problema, mas sabe como é, cada um é cada um, então vá fazendo experiências pra ver o que pode ser.

    Quanto a cama compartilhada, eu sempre tive muuuito medo, pq a sogra da minha irmã trabalha em hospital e contava histórias cabeludas de bebês que morreram por conta de dormirem com os pais, eles são muito pequenos e não tem muito reflexo para afastar uma coberta ou mesmo nós caso fiquem com dificuldades de respirar.
    Agora (depois dos 6 meses) é que andei relaxando e dando mamá deitada na cama e deixando ela dormir, mas fico dura como uma pedra e acabo acordando toda dolorida… Mas que é maravilhoso beijar, cheirar e agarrar um bebê fofinho na nossa cama nesse frio, aaah, isso é!

    Parabéns pelo filhote, ele é lindo!

  10. Oi Carol, sabe que essa história do leite de vaca, quem me instruiu a não ingerir muito lactícinios, foram as enfermeiras do banco de leite da maternidade onde Elena nasceu, elas me pediram para tomar uma xícara de café de manhã, e ficar por aí mesmo, por que a lactose passa um cadinho par ao leite, e o bebê não consegue quebrá-la, claro que aos poucos da para ir retomando a quantidade habitual!

    Sobre a cama compartilhada, eu também não me adaptei, não conseguia dormir com Elena na cama. Então só de dia mesmo, aquela soneca gostosa com cheirinho de filhote!

    Que lindo que ele tá hein… cada vez maior!

    Beijão

  11. OI Caro, não fique aflita. Eu parei de comer um montão de coisa e nada resolveu. A Manu tinha cólicas mesmo assim. Minha pediatra disse que ela teria mesmo porque era tudo novo e o processo digestivo passaria por essa fase. Ia falar de um texto da fofa e super minha professora Mari, do viciados, mas ela já te indicou. Então leia e fique calma, pq por mais chavão que seja o que vou te dizer agora, TUDO PASSA! Fiquem bem e um abraço virtual bem apertado, pq sei bem como é difícil vê-los chorar e não ter muito o que fazer. Beijão linda!

  12. Oi Carol, parabéns pelo baby o Lucas é lindo.
    Quanto ao leite, tenho uma amiga que o filho tb tinha mtas cólicas, a pediatra cortou várias coisas da alimentação dela, inclusive o leite, pois ele ferementa e passa para o do baby, ela autorizou no máximo um copo de leite por dia.

    Bjs

  13. Carol, não existe nenhuma comprovação que essas dietas super restritivas diminuam a cólica do bebê. Isso varia muito de um bebê pro outro, não acho que valha a pena você deixar de tomar seu leite que você tanto gosta, sem nem saber se isso vai dar alguma reação no seu filho…

    Mas vale observar, se você notar alguma associação forte com uma comida tenta evitar.

    E é normal as cólicas começarem agora, faz parte do amadurecimento intestinal. O recém nascido não tem cólica nenhuma, começa conforme ele for crescendo. O negócio é ir apelando pras massagens, esquentar a barriguinha com a barriguinha da mãe, fazer o famoso pacotinho de bebê…

    E só pra corrigir um erro MUITO comum (não foi seu, vi nos comentários). O problema do leite de vaca não é a lactose não. O leite humano tem muito mais lactose que o leite de vaca e não faz mal pro bebê. A alergia é causada pelo que a gente chama de proteína heteróloga.

  14. Oi Carol!
    Redundante, mas vou dizer mesmo assim: o Lucas é um fofo e lindo, que bebê delícia!
    Eu acho que a alimentação influencia diretamente nas cólicas,tenho 2 filhotes que foram assim. Mas não dá para dizer 100%, pois tenho amigas que comiam de tudo e os babys não tinham cólicas.
    Quanto à cama compartilhada, eu aderi e hoje sou super resolvida com isso. Dorme comigo e somos felizes assim. Minha filha que tem 17 dormiu até os 5; e meu baby está com quase 2 e firme e forte na nossa cama. Tem gente que é contra, mas eu acho muito pessoal e tem que ter um acordo entre o casal. Eu e marido não conseguimos dormir sem ele. Nunca sufocamos nem aconteceu nada, a não ser pés na nossa cara e filho atravessado na cama..rs
    Beijos e curta muito essa delícia de bebê.

  15. Oh meu Deus! Ele é lindo demais, Carol! Vocês estavam inspiradíssimos no dia! Parabéns pra família, viu? Especialmente para você que aguentou toda a barra dos medos, ansiedade, teve jogo de cintura e deu à luz a esse menino lindo e cheio de saúde! 🙂

    Sobre a amamentação, meu antigo pediatra dizia que eu poderia comer de tudo e blablabla… conslusão: a Maria Clara sofria horrores de cólicas. Depois que mudamos de médico, ele pediu para cortar chocolate, cafeína, alimentos picantes (alho em excesso também, porque altera o gosto do leite) e leite de vaca porque nele há uma proteína que causa muita cólica no bebê. Como eu AMO leite, reduzi muito (de 4-5 copos para meio copo por dia) e passei a tomar leite de soja (eca!). A melhora nas cólicas da baby foi visível. Maaaas… tudo não passou não! Amiga, sinto em dizer, mas cólicas dependem também da idade do bebê, ou seja, por mais que a gente se esforce, eles vão sofrer com isso. Comigo ajudava bastante a funchicórea e o banho de balde, bem quentinho. Inclsuive você pode colocar chá de camomila na água quente, pra acalmar! A bebê ficava bem melhor!

    Sobre a cama compartilhada, só fazemos de dia, com o sono leve. Morro de medo de sufocá-la e com ela na cama, durmo a noite toda numa posição só e acabo não descansando. Então acho melhor à noite ela ficar no bercinho (que fica grudado na nossa cama, aliás!).

    Beijos em vocês e boa sorte!

  16. Carol, o Frederico teve "cólica" por +/- uma semana.. tb fiquei nessa de achar que era que comia.. depois o pediatra perguntou se a "cólica" tinha hora pra acontecer e eu disse que sim, era sempre por volta das 11h da noite até +/- 1h da manhã.. Ele disse que então não era cólica, mas alguma outra coisa que o deixava irritado e qto mais a gente nao entendia o que era, mais ele ficava bravo e entrava num ciclo de choro/estresse… Aí, qdo eu passei a ver as crises dele com esse novo olhar, acho que agia de maneira diferente e essas crises terríveis passaram! Não sei se pode ser o caso aí, mas dá uma analisada…
    Boa sorte!!!
    Bjocas
    http://cegonhatrends.blogspot.com

  17. Carol,

    Eu fico nervosa quando ouço gente falando: "se comer isso dá cólica, se comer aquilo vai fazer mal pro bebê". Mas enfim, cada um sabe o que funciona pra si e a minha experiência é a seguinte: como de TUDO, absolutamente TUDO e meu bebê de 2 meses praticamente não teve cólicas, uma ou duas dorzinhas de barriga que passaram logo. Segundo a minha nutricionista os bebês já absorvem o que a gente come durante a gravidez, então o segredo é não mudar muito a alimentação quando se está amamentando. Já o pediatra só pediu pra não tomar leite, pois pode provocar intolerância à lactose. Como não gosto de leite nem me preocupei.

    Beijos, Ananda.

    http://projetodemae.wordpress.com/

  18. Carol, Manu tb adora a minha cama, mas eu evito justamente porque morro de medo de rolarmos pra cima dela..entao, assim que ela pega no sono, eu a levo pro berço. Qto ao leite, faz o teste sim…a Manu ainda nao apresentou qq sintoma de colica (graças a Deus), mas ja ouvi muito medico dizendo que o leite e seus derivados podem dar isso sim. Bjs

  19. Carol,

    Primeiro: LUCAS E LINDO.

    Segundo Cama compartilhada. Sabe o que fiz quando cansei de acordar a noite a cada 30 minutos porque Pitos nao aguentava de calor naquele espaco reduzido. Armei uma caminha para ele ao lado da minha. Um colchaozinho mesmo. Eu dormia la ao lado dele ate que pegasse no sono e depois voltava para minha cama. Ate hoje ele dorme no sofa-cama dele ao lado de nossa cama. E amamos. Nao temos nenhum problema com isso.

    Beijos, beijos

  20. Bebês vomitam mesmo. Teve um mês que Emília vomitou toda semana. Observe a frequência. Se ele estiver engordando normalmente, não se preocupe. Emília golfava horrores. Sabe o que eles fazem pra compensar? Se eles precisam mamar X e golfam X, simplesmente mamam 2x 🙂
    Quanto à cama compatilhada, siga seus instintos e faça o que seu coração mandar. No bésame mucho tem as dicas de segurança, tipo encostar a cama na parede e colocar a criança pra dormir entre a mãe e a parede, e não no meio do casal.
    Alguns pediatras defendem que a cama compartilhada ainda é mais segura que o berço no outro quarto, porque acaba com o risco da morte súbita.
    Bjos!

  21. Olá Carol! Meu nome e Flaviana e tenho uma filhinha de 1 ano. Venho acompanhando seu blog e tenho me identificado muito com seus relatos sinceros de mamãe tecem nascida. Minha bebe sofreu muito comas cólicas ate cerca de 4 meses! Estudei bastante sobre o assunto e sinceramente no nosso caso quando diminui minha ingestão de leite de vaca e derivados os episódios de cólica diminuíram. Porém, essa e uma fase difícil pois a maior parte das medidas sao mesmo paliativas! Muita paciência, carinho, amor, dormir juntinho ( literalmente barriguinha do bebe junto com barriguinha da mamãe) ! Bjs e boa sorte !

  22. VAi na fé, Carolita!

    siga seus instintos.

    e mãe é assim mesmo. Um dia é zé peitão, noutro zé camão, noutro zé ombrão, vomitão, xixizão e assim vai…

    cria tá fofa demais heins???

    bjocas

  23. Oi Carol,
    A Sophia tem refluxo e teve muita cólica até os 3 meses. Pra ajudar cortei total o leite da dieta e ajudou muuuuito. Ah! 48 horas é mto poucoi tempo pra testar. A pedi da Sophia disse que os efeitos do leite podem durar até 10 dias!
    Boa sorte!
    Ah! Enfim, voltei a blogar e postei umas fotinhos da minha filhota!
    Um abç,
    Maura, mamãe da Sophia

  24. Oiiin q fofus!
    Carol, eu MORRIA de medo de esmagar a Anna enquanto eu dormia, mas o tal sono pesado de antes foi-se faz tempo!!! rs
    Do jeito q eu durmo (a posição) eu acordo…rs…nem me mexo guria, acredita???? rs
    Sobre o vomito, relaxa. Anna com 6 meses ainda vomita q é uma beleza (not).
    Pediatra disse q é normal, desde q esteja ganhando peso, e Luquitchos esta!
    A Anna ja vomitou em tudo q é parte da casa, de mim, dela, do carro…rs…tudo batizado ja!

    Lucas ta lindo!

    Bjos

  25. A cama compartilhada lá em casa funciona em partes… não dá pra ser a noite inteira pq eu não durmo direito… justamente pela neura do pai atropelar ou do bebê cair da cama. Eu não sou risco pq mexo muito pouco, mas o pai apaga e fica sem noção! Já levei soco, travesseiro na cara… então morro de medo de sobrar pra Joaninha. Aí que eu só cochilo, deixo ela curtir um tanto… geralmente 1 ou 2h e depois coloco ela no berço. E quando ela acorda começa tudo outra vez!
    Desejo sorte e paz com o Lucas lindão!!
    bjs
    Fabiana
    http://2-ao-quadrado.blogspot.com

  26. muito gatinho o lucas *–* sobre o lance da cama eu até tentei deixar a Emily dormir no meio umas 3 vezes mais por cansaço mesmo pela comodidade de dar mama deitada mais com um marido sonambulo e com quase 2 metros de altura nao rolou querida entao o jeito mesmo foi colocar ela pra dormir no inicio em um moisés e depois no carrinho mesmo do lado da cama e deu super certo sempre que abria os olhos estava lá confortavel e protegida do pai gigante kkkkk espero ter ajudado =D

  27. Nossa, evitei tanta coisa quando amamentava que nem sei dizer… mas interfere sim, INCLUSIVE no sabor do seu leite. Teve uma vez tomei leite de soja e Arthur simplesmente recusou o peito por duas mamadas! Quase surtei! A pedi dele que me alertou e daí pra frente que eu regulei mesmo o que comia e bebia…ehehehe
    Beijo, ele tá lindo demais da conta!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *