O meu sangue ferve por você

Antes de começar o relato, queria deixar uma coisa clara: eu sou uma pessoa de verdade. Dou uns passos pra frente, outros pra trás e, às vezes, não vou pra lugar nenhum. E isso, pra mim, é real, as pessoas tem defeitos, qualidades, vontades, recaídas, enfim. São só pessoas.

Essa introdução só pra explicar porque a serumana que vos fala, que até outro dia estava se gabando das mais de 9 semanas sem fazer ultrassom, acordou um belo dia e resolveu marcar um 4d pra ver o filho.

Eu tenho um ultrassom obstétrico normal marcado pra daqui uns dias, na clínica onde sempre faço e que conta com profissionais excelentes. O bebê mexe direitinho na barriga. Não tenho sangramentos, cólicas, mal estares. Tenho uma barriga de tamanho ok, um cansaço comum pra essa fase da gravidez e muitos xixis na madrugada. Nada mais.

Mas, num dias desses da semana passada, eu caí por acaso num blog de mães que perderam seus filhos. E não to falando só de aborto não – aliás, histórias de aborto eram fichinha perto do que li naquelas tristes páginas. Sabe quando você cai no erro mórbido de ficar acompanhando coisas ruins dos outros? Foi o que eu fiz.

E daí, gente, eu enlouqueci. De verdade. Fiquei cega, surda e burra. Ignorei os sinais de que estava tudo bem e fiquei imaginando mil merdas e que todas aconteceriam comigo. E, putz, já aconteceram mil merdas comigo, é totalmente possível que aconteçam mais. Não quero e não estou esperando por elas, mas eu dou minhas fraquejadas.

Resolvi que precisava fazer um ultrassom, no mesmo dia. Assim, doidona. Sem pedido médico, sem motivo (e ainda por cima achando que era um “aviso da natureza” esse nervoso todo, que eu precisava ir checar o que tava rolando). Marido não concordou, ficou brabo que eu catei sarna pra me coçar e decidiu não ir junto. Liguei pra duas queridas e elas, embora também não fossem muito a favor do meu freak out, foram segurar a minha mão.

E já que eu estava na chuva, por que ter medo de me molhar? Marquei logo um exame em 4d, pra ver a carinha do baby. FODA-SE. Eu era super contra esse exame, achava uma invasão, uma ansiedade fora de hora (minha opinião, hein? entendo quem faz – mais que nunca agora, hahaha).

Daqui pra frente, vocês meio que já sabem: o Lucas tá ótimo. Crescendo, com peso adequado, tudo no lugar, coração fortinho, já tá com a cabecinha pra baixo. Está nadando tranquilo em sua piscina amniótica, parece estar sempre solenemente cagando pras minhas angústias e nunca se afetou muito com os problemitchas que tivemos ao longo da gravidez. AMO.

Foi emocionante e reconfortante vê-lo tão bem. E é por isso que não me culpo de ter ido fazer o ultrassom, sabe. Tem coisas que só a pessoa que carrega o filho na barriga sabe. Só eu sei o quanto amo, o quanto meu filho é primordial e está ligado a mim muito além do que se possa imaginar. Por ele, eu fico louca e não tenho a menor vergonha.

Aí lembrei dessa música e, como eu sou louca MERMO E DAÍ?, caguei pro apelo sexual (e pra breguice eu não liguei, porque afinal, o amor é brega). Lucas, te dedico:




Toda minha vida
Eu te procurei
Hoje sou feliz
Com você que é tudo que sonhei


Oooohhhh eu te amo
Oooohhhh eu te amo, meu amor
Oooohhhh eu te amo
E o meu sangue ferve por você
/
/

36 comentários:

  1. E que atire a primeira pedra a grávida que nunca deu uma pirada dessas.
    Normal, Carol, normal...
    beijocas!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Carol,

    embora pareça coisa de doido, eu tb fico aqui, sem fazer ultrasom, pensando mil e uma coisas.
    Eu te entendo. Não é porque a gente acha q está acontecendo algo ruim, mas pq a gente tem medo que aconteça algo e q a gente não perceba, e pior, algo q um ultrasom poderia identificar precocemente.... :-/
    Pois bem... acho que as grávidas te entendem...

    Agora.... mostra o 4D pra gente ver a carinha do Lucas tb!!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Oi Carol!
    Eu também entrei nesse site e também fiquei lendo tudo, mesmo sabendo que iria me impressionar e também me arrependi!!!
    Te entendo total!
    Adorei o post!
    Beijo,
    Leila.

    ResponderExcluir
  4. Acho que pirar é normal em algum momento.
    Vc fez certo de ir fazer o US... assim voltou ao seu estado normal.
    E como vc disse: só quem carrega um serzinho dentro de si entende isso.
    Beijos e tudo de bom.

    ResponderExcluir
  5. Ai, Carol, esses tocos deixam a gente assim doidinha mesmo.
    Eu fiz uns 250 US durante a gravidez, e deles uns 247 foram só para ver a carinha dela e saber que estava tudo bem. E ponto final. @dorianamae PEGA EU... hahahaha

    ResponderExcluir
  6. Carol,

    nem ligue, todas nós temos nossos momentos!
    Amanhã quem vai fazer um ultrassom sou eu!
    Baby tá com 35 semanas!! Não vejo a hora!

    Beijo

    ResponderExcluir
  7. Gata, até achei que vc demorou bastante pra pirar... eu dei mil e uma piradas na minha gravidez e depois que li o referido blog tb dei uma pirada já com Alice nos braços! Achei meio punk aquele blog, mas... não tínhamos que nos meter a ler, né? Fica a dica pra próxima!

    Beijo saudoso!

    ResponderExcluir
  8. Carol... me acabei de rir (sorry), mas imagino vc lendo os blogs super no sense e claro que endoidando, né? Básico que um ultra seria fichinha, né? Mas vc acabou vendo o Lucas e se deliciando com mais uma fotinho dele... hehehheh!

    Agora, please, mantenha distancia desses sites e de histórias ruins, ok? Merdas acontecem, mas sua cota de desgraças já deu para a vida! Agora é hora de colher os sonhos e ser completamente happy... kkkkk

    Sua barrigola está mega linda e adorei o tom azul do quarto. Não palpitei no enxoval porque... ah, porque minha prática é zero pro assunto.. kkkkk!

    Bjos

    ResponderExcluir
  9. vc tá se achando louca agora???
    vai ver quando começar a ouvir as histórias do seu filho e se perder entre o real e o fantástico...
    a seguir cenas...
    e ó!
    é tudo uma delícia pra depois a gente rir e ver que aprendeu.
    viva!
    bjo bjo bjo

    ResponderExcluir
  10. Normal pirar,principalmente pq vc já passou por isso e sabe o quanto dói. Mas que bom saber que está tudo bem com seu pequeno viu.
    Dia desses eu quase tive um treco em casa por conta da falta de noção da minha mãe, tadinha ela não faz de propósito,mas não tem noção alguma.Nem vou te contar p/ não te deixar tensa...rsrsr, mas qqr dia posto essa no meu blog.
    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Carol...tb sou como vc, menina!! RSSS....Estou pirando querendo fazer uma ultra!! rss....Queria tanto saber se está td bem!! rs

    Viu...vc n é a única doidinha!! Rs..Acho que todas nós gravidinhas, temos esses "momentos"!!! rs...

    Beijoconas!

    ResponderExcluir
  12. As preocupações são normais né Carol? Mas devemos evitar pensar em coisas ruins, mesmo que elas tornem a aparecer na nossa cabeça!
    Que bom que fez a ultra e deu tudo certo! Assim vc fica mais tranquila.
    Tb penso em não fazer essa 3D, 4D qualquer coisa D...alguma coisa tem que ser surpresa né? mas não é certo que eu vá aguentar srsrrs pdoe ser que em algum momento eu mude de ideia, vamos ver!
    Bjss
    Dani

    ResponderExcluir
  13. Tu acha que pirou???
    Vc fez a coisa mais normal e comum entre as grávidas de plantão!
    E ó: ser mãe é viver uma eterna incoerência!!!

    Beijo (eu ADORO Sidney Magal. ahaha) - apagar -

    ResponderExcluir
  14. Toda mãe é mesmo louca de pedra assim, você está absolutamente dentro do padrão de loucura master blaster ultra de toda grávida!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. tem foto? vídeo??? QUERO VER!!!!

    ResponderExcluir
  16. Ah...Carol,

    Bem como vc disse, só quem carrega o bb na barriga sabe que esses rompantes são normais ( e aceitáveis..rsrsr)...teve uma época no início da gestação da Lú que eu quefiz umas 3x vezes a Usg motfológica..só pra xecar se estava tudo certinho mesmo, meu marido disse que já tava demais...mas eu achava que era assim mesmo, que tinha que ter certeza ABOSLUTA que estava tud bem mesmo e se era menina de verdade, pq eu jurava de pé junto que era menino...enfim...coisa de mulher grávida...e nosso sangue ferve mesmo pelo nossos bbs!!!Fazer o que??!!rsrsrsr

    BJS.

    ResponderExcluir
  17. Carol, acho que tenho uns 15 ultras porque vira-e-mexe eu encafifava que estava com mau pressentimento. Aí chorava antes da hora, imaginava o pior (pq eu tbe acompanhava histórias ruins), ia naquela baita ansiedade e via a Maria Clara lá, tranquilinha, numa boa, firme e forte. Aí o que eu pensava ser um aviso de que algo não ia bem, percebia ser apenas o medo. O maior medo do mundo de perder meu bem mais precioso.

    Claro que as pessoas em volta se enchem, mas... só quem é mãe sabe o que é isso, o que viver e temer todas essas coisas.

    Não posso te dizer outra coisa além de: faça mesmo quantos exames julgar necessário! Nada como a tranquilidade pós-exame de saber que o nosso bebê continua bem. Além do mais, é sempre bom "matar as saudades"!

    Mas uma dica: veja apenas coisas boas, com finais felizes! Dá uma olhadinha no tamanhão da Clara lá, dá! haha

    Um beijo, querida!

    ResponderExcluir
  18. Quase 30 semanas já!!! Já pensou que falta pouquinho mais que dois meses? Isso se o pequeno decidir ficar aí dentro tranquilinho, né? Porque se ele for como eu, falta apenas 6 ou 7 semanas! Delícia!

    ResponderExcluir
  19. aff..
    eu fiz 11 ultras em 8 meses!
    tb era contra e ao mesmo tempo ficava feliz e saltitante em to-dos.
    a gente é bicho maluco mesmo.
    e o que importa é o óbvio! tchutchuquinho tá chegando! :)
    bjo

    ResponderExcluir
  20. Carol

    eu tenho uma amiga que fez 3 ultrassons POR MÊS, todos 3D. Isso mesmo. E pra ela era a coisa mais normal do mundo, afinal, pq não?
    E eu amo Sidney Magal. E essa música é boa por demais! :OD

    Beijo!

    ResponderExcluir
  21. Tá mais que certa.. segue o que corazón manda! Tem fotinho?

    ResponderExcluir
  22. Super normal dar umas surtadas de vez em quando, viu? E nada melhor nessas horas do que fazer uma ultra e ficar bem!

    ResponderExcluir
  23. Também acho que você sempre deve seguir seu coração. Não importa o que as pessoas dizem... E claro que elas querem o seu bem. Mas só você sabe o que passa ai dentro e de seu coração.
    Daqui a pouco ele já estará do seu ladinho... =)
    Beijos e ótima semana!!!

    ResponderExcluir
  24. Suuuper te entendo e não te achei nem por um minuto doida! Eu faria o mesmoo, não sei como resistiu a tanto tempo! hahaha
    Ufaa, bom saber que esta tudo bem, posso sentir a tranquilidade vindo dai, e que se vc não fizesse, ia ficar cheia de minhocas na cabeça, aposto! Rs
    Bjo bjoo
    Ale

    ResponderExcluir
  25. Se eu fosse um pouquinho mais brega, ia sugerir que o nome do garotão - que não tá nem ai pra tuas loucuras - fosse Lucas Sidney!
    Bjs, sua louca!

    ResponderExcluir
  26. Carol,
    Se enfiou na cabeça que tinha que fazer a melhor coisa era seguir a intuição.
    Eu ando me gabando tb que não faço a menor questão do 4d, desde que continue sentindo o pequeno se mexer todos os dias. Mas se der a louca vou lá e faço mesmo.
    Pior é q sou tão surtada que estou aqui só pensando no que foi que vc andou lendo. Medo.
    Tô querendo distância dessas coisas.
    Um beijo e q bom que o bebe esta bem
    N.

    ResponderExcluir
  27. Acredita que eu sempre faço esta burrice de dar uma olhadinha em coisa ruim!?! ai que raiva de mim. Depois fico toda cheia de neuras, fico medo de tudo. Semana passada estava com medo do parto pq vi alguns videos de partos que nao deram certo. por favor, ano faça isso! Levo uma chingadas grandes do namorido por causa disso, mas ainda nao aprendi.
    Beijos carol!
    Carol
    www.babiesetal.blogspot.com

    ResponderExcluir
  28. Minina, não tem a menor chance de eu ver blogs de crianças doentes... O sofrimento é inevitável e completamente desnecessário. Eu sei que há coisas ruins no mundo, mas agora tento não prestar atenção nelas. A ignorância é uma benção. rsrsrsrsrs

    Pelo menos vc se encontrou com o Luquitchas e viu o rostinho dele em 3D. Tem foto?
    Eu também não quis fazer essa ultra, acho muito lindo ficar naquele suspense pra conhecer minha cotoca na hora do parto. Não mudei de ideia, mas super entendo as contradições de mãeque a gente vive.
    Beijossssssssss

    ResponderExcluir
  29. Nada se compara à paz de espírito de uma mãe, ainda mais de uma mãe grávida. Por isso, se joga no 2D, 3D, 4D. O que importa é tentar manter a sanidade - se é que isso é possível ao ser maternal.

    Beijos, beijos, beijos

    ResponderExcluir
  30. kkkkkkkkkkkkk vc é show de bola..

    Consegue descrever aquilo que a maioria das grávidas sentem..

    Beijão fofa..

    ResponderExcluir
  31. Aii Carol todo dia passo aqui, e fico lendo seus posts.. só que as vezes tenho muiiiiiiita preguiça de comentar,hehehehe..
    mas hoje eu não poderia deixar de comentar eu estou de 29 e 4 dias...vamos ter bb bem pertinho..
    Agora sobre seu post, menina comentei com minha psicologa hoje essas minhas neuras, me sinto um ET as vezes pensando besteiras da minha filha...
    até a minha barriga eu acho pequena tudo coisa de doida mesmo.. hehehe
    mas agora eu já aprendi nada de ficar lendo coisas tristes na net, quando eu vejo que o titulo é algo ruim eu nem leio, e me sinto bem melhor com isso!!
    Ainda bem que não sou a UNICA que sente isso.. isso me deixa mas calma..
    Beijos em vc e no Lucas..

    ResponderExcluir
  32. Assim como a internet ajuda, ela tbm atrapalha (e muito!) a vida das gravidinhas. Já li várias bobagens e surtei. Só o maridinho mesmo pra trazer meus pés para o chão e me acalmar.

    Beijos, Ananda.

    http://projetodemae.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  33. Wuahaha, adorei!
    E, fala sério, se vc não puder ser louca durante a gravidez, quando então?
    Eu su total a favor de dar carta branca pras grávida. Até sair sem pagar eu acho que devia ser permitido pra grávidas!
    bjos

    ResponderExcluir
  34. Ai Carol, desculpa o sumisso. Eu sempre entro mas to super sem tempo e disposição.
    Agora, preciso comentar esse post...
    Primeiro porque neura no fim das contas é normal.
    Segundo porque o otimo é que hoje temos recurso pra tirar as neuras no caso o 4d.
    terceiro porque é muito brega mas eu amo essa musica! kkkkkkkkkkkk

    beijos,
    Bia
    Davi e Mateus!!!

    ResponderExcluir
  35. Carol, se eu morasse com você eu quebrava seu modem ;)
    Já duas vezes nessa gestação eu tive momentos parecidos com esse seu, um num papo sobre más formações e outro ao vendo um filme sobre partos no qual um dos nascimentos não era bem sucedido. Tive pesadelos, fiquei com vontade de correr na hora pra fazer um US. Mas não fiz. Deixei passar, e passou.
    Tanta se encher de coisas boas, ler relatos felizes, pegar uma cachoeira, sei lá... vai dar um passeio em Colônia do Sacramento. A gente tem que se proteger pelos nossos bebês, porque cabeça de grávida é mesmo total freakout.

    ResponderExcluir
  36. Carolzinha, eu mivejo em você!Também tinha neuras, e quer saber?Delícia ter neura e ver a carinha do bebê no US. Tááá, eu seeei, não precisa, blá blá blá, mas grávida merece e pode!Eu sempre dizia que eu pelo menos nunca vou escutar do médico: - Ai Carolm porque você não veio/disse/somou/subtraiu/comeu/bebeu ou qualquer coisa antes. E ponto final. O gorducho tá na minha barriga, só eu sei o peso da alegria e da responsabilidade.
    Amigaaa, fui uma grávida bem mais neurótica que você! Bjs

    ResponderExcluir

baby-comment


up