• Esse final de semana, esvaziamos o quarto que antes era “escritório” e agora é o “quarto do Lucas”. Deu bastante trabalho e eu fiquei mega cansada de ficar olhando, porque quem pegou no pesado de verdade foi o Maridón. Impossível não ficar impactada pelo quarto vazio, as caixas com as coisinhas dele num canto, luminária noutro canto. Tudo vai ficando mais real e a gente vai se enchendo de alegria por montar a vidinha de uma pessoa que está por vir (Maridón falou mais bunito disso aqui ó).

• Compramos carrinho, bebê-conforto e berço. Compras grandes, deu nervosinho também (cartão de crédito ficou nervosão, aliás). Mas acho que fizemos escolhas acertadas. O berço é aquele mesmo que eu tinha comentado. Já carrinho e bebê-conforto, escolhemos da Peg-perego, modelo Aria. Não é guarda-chuva como queríamos, mas fica bem compacto quando fechado, tem bandejinha na frente (removível) e mais um monte de coisas que achamos que se adaptam bem ao nosso estilo de vida. Também não foi dos mais baratos, mas acho que valeu muito a pena!

• Fomos no aniversário de uma amiga do Maridón e foi a primeira vez em muito tempo que eu saí pra uma nightzinha (não era boate, mas era tipo bar com música ao vivo). Por mais que eu esteja bem com a minha barriguinha e me sinta disposta, bateu uma coisa esquisita. Uma sensação que de, à meia noite, eu deveria era estar dormindo e não saindo pra uma festa. Fora isso, tive que experimentar milhares de roupas até chegar numa em que eu ficasse confortável (e já aposentei mais da metade do meu armário, afe). Magina você que mocinha barriguda já chama atenção em qualquer lugar, mais ainda adentrando num bar cheio de Xóvens (oi, e eu tenho 75 anos). Causei. Todo mundo se espantava com a minha presença, ria pra mim, de mim, falava com a barriga, fazia “nhóóó”. Tá, por um lado é fofo. Mas por outro, dá vontade de pedir uma cachaça, cheirar uma carreirinha de cocaína e fazer abdominais pra ver se o povo fica chocado por algo chocante de verdade. Ou sumir, simplesmente. Ou mudar de assunto, mais simplesmente ainda. Mas, ok, é fofo, é fofo.

• Tivemos consulta com a GO ontem. Ai que prazer que é essa consulta. Sempre saio de lá calmíssima, felizinha. Tinha todo um papo (e um post) preparado pra questão do cordão mal inserido na placenta, mas ela me acalmou taaaanto, que nem post mais vai rolar. É que o importante é que, apesar dessa questão, não há a menor indicação de cesárea pra agora, Lucas tá crescendo super bem, a barriga idem, coração dele tá ótimo, minha pressão também tá perfeita. Se eu quero brincar de me preocupar com cesárea, que me preocupe porque o rapazinho está sentado, nada mais. Maaas, eu, vocês e a médica já sabemos que com 23 semanas, bebê sentado não é indicativo de coisa nenhuma, ele tem bastante tempo pra virar ainda. Entããão, não tem preocupação nenhuma rolando. E aí eu fiquei com um vazio no peito, não tenho preocupação nenhuma pra chamar de minha, o que vou fazer da vida agora??

• Ainda na GO: não engordei nada esse mês! Quer dizer, engordei 800g e finalmente recuperei o peso que tinha antes de engravidar. Ou sejE: durante a gravidez emagreci 4 quilos e engordei 4 de volta. A médica pareceu satisfeita com isso e não comentou nada. Uma vez que a pancinha e o baby crescem normalmente e eu não tenho anemia, ela diz que tá tudo bem. Ok, né? Preciso sijogar na comilança? Eu nem sinto essas fomes todas, sei lá. Carolina, pare de inventar preocupação onde não tem!

• Fora isso tudo, minha sogra chega de visita essa semana e eu vou aproveitar a ajuda dela pra ver mais questões de enxoval, comer uma comidinha de mãe, ser mimada um pouco. Se minha mãe não habita mais esse mundo, tenho que aproveitar as mães alheias, não? Especialmente esta que tá toda bobinha com o papo de ser avó, será que ela vai se importar deu dar uma abusadinha leve? Aliás, vocês vão se importar se eu der outra abusadinha pesada e seguir falando de enxoval? To precisada, gente, miapoiem, miamem?

No mais, tudo bem com vocês?

/

/

34 respostas em “Rapidinhas rápidas para registrar os momentos que merecem – parte II de infinitas

  1. Tão bom quando o nascimento vai se materializando, tudo sendo preparado para a grande chegada…dá uma saudade….
    E aproveita sim o colo e o apoio da sogra. Fará bem as duas.

    Beijo

  2. Carol…meu carrinho e bebe conforto são exatamente esses. São otimos! O modelo guarda chuva é pra qdo eles forem maiorzinhos, ne!
    E q delicia vc falando da sua consulta!…
    Só pra constar, Anna Laura só virou de cabeça pra baixo na 32ª semana…rs…antes disso ela tava sentadinha, toda pimpona! rs
    Virou, mas nao adiantou nada pq nao encaixou…rs
    É preguiçosa igual a mãe|!!! rs
    Qdo começamos a reforminha do quarto da Anna tb rolou uma nostalgia, umas lagrimas rolaram de emossaum, enfim, isso tb faz parte da gravidez e de td q vem com ela…rs

    Bjooooooos

  3. Carolina Carolina, deixa de procurar preocupação hein!? (Rsrsrs)
    E olha em relação ao peso nao se preocupa nao,ainda tem muito tempo pra vc ganhar,eu mesma já to ficando com medo,antes de engravidar eram 49 kg ,agora são 56.8…varia de mulher pra mulher né?
    Ummm e mais abusaaaaaaaaaaa da sogritcha hein, é o tempinho que nos resta para mimos rsrs.
    Florzinha fiquem com Deus, bjos!

  4. Compras são sempre legais. enxoval então? Oh my God! E aproveita mto da sogra, ela não vai reclamar nem a pau! Pq afinal, o neto dela que tá com vontade de comer o que ela cozinha, não vc! :op

    Beijos!

  5. Carol, não sijogue na comilança! O ganho de peso na gestação não é linear. Eu, por exemplo, ganhei todos os meus 13kg da gravidez da Emília a partir do 2o trimestre. Ou seja, pode ser que daqui a pouco você comece a ganhar peso num ritmo muito mais acelerado.
    Não passe fome e consuma alimentos os mais saudáveis possíveis, mas também não precisa comer sem ter vontade. Ouça seu corpo. Beijos!

  6. No mais tudo ótimo…

    Agora falando de grávidas em locais que causam…qd eu estava com 7 meses de grávida do Davi fui assistir uma luta de vale tudo!!!!A LOKA né?!Não…eu gosto muito de assistir lutas…já fiz MUAY THAY e boxe…e como boa amante lutas que sou tinha uma luta imperdível e eu fui!!!
    Lógico, fui pq tb sabia que era seguro e não iria rolar um porradal…rsrsrs…mas todo mundo ficou me olhando com cara de ET de Varginha!!!

    BJS…

  7. Oie!

    Não me aguentei, desbravei o mato, os morros, atravessei sete mares e achei uma interneta! hehehehe

    Adorei a agilidade do casal! Quartinho tomando forma…
    ai ai ai, tá ficando cada vez mais perto!

    Feliz demais em saber que não resta nada pra te preocupar!!

    beijos gata

  8. Bah, as maiores emoções que eu senti durante a gravidez (posso falar como se já tivesse acabado né? Afinal, 38 semanas merecem respeito) foram descobrir o sexo do bebê (e pro pai, inegavelmente, ser meninoOOO) e arrumar as roupas DELE, no roupeiro DELE, no quarto DELE. Foi o momento mais "caiu a ficha" da gravidez inteira… Passei um dia inteiro no céu das mamães gestantes!

    Imagino o quanto esses marcos de viabilidade devam ser importantes pra ti. Se pra mim já eram motivo pra dançar macarena!

  9. Carol, fala mais do enxoval e do quarto do Lucas sim. Vou adorar saber das tendencias bebezísticas, apesar da minha postura minimalista. rsrsrsrsrs

    Pode abusar da sogra e das comidinhas dela, ela vai adorar, com certeza. Esse papo de peso é meio doido, cada corpo é de uma forma, então tente mesmo comer bem e não passar fome.

    Minha gatinha também está sentada mas eu sei que ela vai se virar na hora certa. Pensamentos positivos, sempre.

    Beijos pra vocês

  10. Essa fase de começar a montar o quartinho do baby é deliciosa, é contagiante e mágico,parece que tudo vai ficando mais real ,sei lá, Carol nem preciso dizer que aaaadoooooro o seu blog e maneira divertida e engraçada como você escreve néh.
    bjunhs lindaaa

  11. Carol, tb desmontei o escritorio que virara o quarto da Manu, esse final de semana…eh engraçado o vazio que fica, ne? Parece um capitulo encerrado…nao vejo a hr de chegar os moveis para começar a dar novamente vida a esse espaço. Bjs

  12. Eba, eba! Que bom saber que está tudo bem, que a médica está sendo ótima, que vc está feliz! Claro que a sogra não vai se importar de paparicar vc, afinal estará paparicando o neto por tabela!
    E pode continuar falando de enxoval, no que eu souber vou continuar pitacando!
    bjocas

  13. Ah, e sobre a fome, não precisa sijogar na comilança não! Vai tranquila que o terceiro trimestre é quando a gente mais ganha peso. E espera até a amamentação pra comer mais… dá uma fome de pedreiro!!

  14. Ahhh Carolzitaaa!Carrinho lindo! Boa escolha! rs
    E menina….pára de ficar catando problema onde não tem!! rss…SIJOGAAAAA!!! Aproveite que todos te mimam na gravidez e dê uma pequena abusada…ehehheeheheheh é tão gostoso! rs
    Adoro ver enxoval…pode postar o que quiser que estaremos aqui palpitando sempre! rs…Claro, com sua devida permissão! rsss

    Beijocas pra vc e pro baby lindão!

  15. Carol, adoro o seu jeito de postar, me divirto muito, pois me identifico muito com vc hehe… eu também estou com muitas duvidas com o enxoval da mina Rafaella que nasce em abril, em relação ao seu peso, é normal eu ate agora ( estou de 7 meses ) só engordei 5 k e o meu medico falou que é normal, pois nenhuma gravida é igual a outra.
    Parabéns pelo seu principe , que ele venha com muita Saúde, e com muita benção. Bjos e fica com Deus.

  16. Aproveita muuuito, seja muito mimada mesmo, defpois todos só tem olhos para o bebê e a gente tb 😉
    Adoro palpitar sobre enxoval é só mandar as dúvidas…
    Delícia que etá tudo correndo bem com vcs dois,
    bjs

  17. Carol! Muitos comentários:
    – uma delícia ver o quartinho deixando de ser escritório e tomando forma de quartinho. Tão gostosa essa fase… curta muito mesmo.
    – uma grávida na balada: sempre causa muito! Eu fui de barrigão (ão mesmo, exatamente uma semana antes da Helena nascer) em uma festona de aniversário (com o único vestido que me cabia, ou seja, era a segunda pessoa mais malvestida do recinto – nem te conto o desastre que foi a primeira) e mijoguei na pista de dança. Imagina o tanto de olhar torto e cochicho ("ela é loooooooouca irresponsaaaaaaavel, esse nenê vai nascer aquiiiiiii") que provoquei. A aniversariante deve ter ficado bem possessa, porque só deu eu mesmo. Uma fotógrafa colou em mim, por exemplo (ó só: ganhei praticamente um book de gestante grátis). O que eu queria mesmo era tomar uns 10 cosmopolitans, but.
    – amo sua médica
    – NÃO se jogue na comilança, querida. Não caia nessa. Come o que te der vontade e ponto final. Eu não tive "a grande fome" durante a gravidez todinha. Tive é depois que a Helena nasceu, amamentando. Eu engordei quase nada nos dois primeiros terços da gravidez, e no final é que ganhei peso. Teve uma semana que bateu um quilo. O saldo foi super bom: ganhei 09 Kg na gravidez todinha (emagreci uns 02 nos enjoos do comecinho, recuperei estes dois e ganhei mais sete) e agora, com a Helena com seis meses, estou 05 Kg mais magra que quando engravidei. Pensa numa pessoa feliz.
    – APROVEITA DA SOGRA! Bom demais receber mimo. Aproveita mesmo e abusa dela.
    – estamos aqui para dar muito palpite em todas as coisinhas bebezisticas do Lucas!
    Beijos mil

  18. Que gostoso começar a dar vida ao quarto do Lucas… Acho que vou ficar louca quando chegar minha hora, o quarto do bebê tem armário embutido nas 4 paredes e todos lotados, não quero nem ver como vai ser.
    Então as compras grandes já estão encaminhas, que bom. E pode continuar pedindo socorro por aqui que sempre tiver algo a falar eu digo.
    Aproveite bastante a sogrinha por ai!
    Beijinhos

  19. aaaaaaaa, mas tá mais que apoiada carolita!
    absorva todo o conteúdo materno da sogra e de quebra, umas dicazinhas pro pós período no sex (nunca vou conseguir esquecer da bendita flanelinha…hahahahaha)…
    curta, epça colo, dica, anote, repergunte, peça, abuse.
    e depois, se ficar alguma duvida, vc saca das universitárias aqui que a gente adora dar um pitaco!
    bjo grande

  20. Ai, nem me fales de inserção do cordão, pq da ultima ecografia que fiz (ultra no brasil n é?) a médica disse q possivelmente um dos babys esta com inserção merginal ou velamentosa do cordão. Perguntei à minha médica e ela disse q se for marginal não é muito preocupante, mas que se confirmar que é velamentosa aí sim pode complicar, pois ele pode não ser bem "alimentado"! E agora que falaste disso lembrei-me de tudo… ai a nossa vida! Que estes filhos já nos dão tanta dor de cabeça mesmo antes de estarem ca fora!!!

    Bjs*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *