Ah gente, perdoa eu, vai?

é que passei tanto tempo sem falaaar que agora vou ficar atualizando o tempo todo.

Nah, mentira. Eu sigo super cansada e enjoando e vomitando (é muita diversão!), mas é que foram tantas perguntas que, se eu deixar acumular, vou acabar escrevendo um livro pra responder!

Entao, vamos lá, em formato preguiçoso rápido:

• Carol, mas você não menstruou no final de agosto? Como pode estar de 12 semanas?
Gente, menstruei no final de agosto mesmo. Foi a primeira menstruação depois do aborto (e última, hohohoho), fiquei tão feliz na época que até escrevi um post. Mas então, foi uma treco estranho. Primeiro porque durou dias, muitos dias. Segundo porque tive uma cólica bizarra que parecia que tava abortando de novo (e agora a gente bate 3 vezes na madeira pra espantar, vamos lá, todas juntas). Terceiro porque, lá pelos 7 dias de menstruação non-stop, parou tudo e eu tive um mucão, tipo de período fértil, sabe? Aí dois dias depois, voltei a perder sangue. Esse papo todo durou uns 11 dias. E, de acordo com as minhas contas, foi aí que engravidei. Sendo assim, se você, leitor atento, for fazer continhas, vai ver que estou de 11 semanas e 5 dias e não de 12 semanas. Segundo a minha médica-guru, essa é a minha décima segunda semana de gestação, mas não completas ainda, entenderam? Sendo assim, o primeiro trimestre ainda tá rolando.

• Ah, então quer dizer que você engravidou no primeiro mês de tentativas? E quando decidiram voltar a tentar?
A GO tinha mandado esperar dois ciclos antes de voltar a tentar. Ela disse que o corpo precisava do tempo pra se recuperar, que provavelmente eu não engravidaria antes. Mesma coisa disse a minha homeopata, que eu não ia engravidar. E que o corpo é sábio: se eu engravidasse, é porque já estava tudo pronto, era pra ser. Daí eu raciocinei: se da primeira vez, eu demorei 7 meses pra conseguir, agora eu demoraria os 2 meses + outros 7, certo? (hahahaha, ERRADO). Mas enfim, eu não queria ficar NOVE meses esperando. Então, eu e Maridón conversamos e decidimos ligar o foda-se pra esse “resguardo” (pesquisei muito antes de tomar essa decisão). A gente ia viver a vida normalmente, sem tentar, mas também sem evitar.

• Ok, mas então você não esperou chegar o segundo trimestre pra contar pra todo mundo?
Não e, na verdade, isso não é importante pra mim. O que tinha combinado com o Pedro era que íamos contar quando estivéssemos seguros e prontos para tal. A primeira coisa que pensamos foi contar depois do primeiro US. Ou depois que o primeiro hematoma sumisse. Ou depois da TN. Mas o fato é que tudo nessa gravidez foi rolando naturalmente, nos seus devidos tempos – não decididos por nós, mas pelas circunstancias. E fomos respeitando os tempos e vivendo conforme o que nos parecia melhor, de acordo com a situação. Na segunda passada, depois de fazer o ultrassom e ver o bebê grandinho e praticamente sem riscos (minha médica que falou), achamos que já tinha chegado a hora de curtir o momento e compartilhar a nossa alegria com todo mundo!

• Então a fase de riscos ainda não acabou??
Não e eu acho que nunca vai acabar. Sério, gente. Durante esse tempo todo, eu li muitos fóruns e até cheguei a participar do e-family. E o que mais vi foi gente perdendo os babys com 13, 14, 15 e até 16 semanas. E também muitas outras perdendo no primeiro tri. E tenho uma amigona que é enfermeira obstétrica e sempre me diz que risco de aborto vai até as 20 semanas. VINTE. Mais que isso: minha mãe e minha irmã um dia foram atravessar uma rua e morreram, vocês sabem disso. De jeito nenhum quero ser fatalista, o que quero dizer é que basta estar vivo pra estar em risco. Eu, você, meu filho, meu marido, a fulaninha da esquina. Então gente, se eu for viver pensando que precisa chegar o amanhã pra eu ficar mais tranquila, sempre colocando prazos e condicoes, eu nunca vou viver o hoje, entendem? Não dá pra eu achar que meia hora a mais ou a menos de gravidez vai fazer tanta diferença. Eu vou viver um dia de cada vez e tentar ser feliz com o que é hoje. O amanhã não me pertence!

• Como foi contar pro marido?
Foi surreal! Porque eu “descobri” a minha gravidez antes mesmo de saber que estava grávida. Eu simplesmente sabia. Eu, a Jo e a Patrícia, duas queridas que me apoiaram o tempo todo, desde sempre. Elas, até mais do que eu, tinham certeza que eu engravidaria nesse primeiro ciclo. TARJA PRETA TOTAL, hehehe. A Jo, inclusive, já comemorava. Eu, animada com a animação delas e com uma voz interna que me gritava que tudo daria certo, simpolguei. Então, num belo dia no MEIO DO CICLO, eu avisei pro Maridón que tava grávida. Ele quis saber se eu já tinha feito teste e tal. “Não!”, eu respondi, “mas eu vou engravidar sim, não tenha dúvidas. Eu sinto, eu sei”. Aí, com 3 semanas e 3 dias de gravidez, o serumano mais confiante e ansioso da face da Terra (eu, no caso) fez um teste de farmácia. E viu isso, ó:

E aí? Isso é gravidez ou não? Sei lá. Ficamos eu e Pedro olhando pra esse palito xixizado com cara de abestalhados, sem saber se era hora de comemorar ou não. A dúvida seguiu atéééé sair o resultado do meu segundo beta, que deu mega alto (o primeiro deu baixinho e os testes de farmácia depois desse deram fraquinhos também). Mas, Patrícia e Jordana nunca tiveram dúvidas e comemoraram desde sempre, lá nos idos da terceira semana (hehehehe, é muito doido pensar que a gente descobriu isso com 3 semanas, hein? – obrigada por tudo, meninas!).

• Como foi contar pra família?
Ruim. Porque eu contei no susto, logo que cheguei no Rio e vi que tinha perdido sangue. Tive que pedir pra me levarem no hospital e, o que era pra ser uma notícia feliz, acabou virando um pesadelo generalizado.

• Como foi o primeiro US?
Foi bom e ruim. Foi nesse mesmo dia que contei pra família. Fiz o exame na Perinatal de Laranjeiras, no meio da madrugada boladona. Foi ruim porque foi nele que vimos o primeiro hematoma e meu mundo caiu de estar vivendo isso de novo. Mas foi lindo porque vimos a imagem mais inesquecível de todas: meu filho! Com 6 semanas, já tinha coração batendo forte e 0.2cm de comprimento! Aqueles dois milímetros de pessoa foram, desde sempre, a força pra continuar. Mesmo tão triste de ter tido hematoma de novo, eu fiquei abobalhada com essa imagem e mostrava pra todo mundo que sabia da gravidez (aí nossos pais já sabiam e as queridonas Alice e Ju também – também essenciais nesse tempo todo).

• Como foram os últimos meses?
Intensos. Porque depois que o primeiro hematoma sumiu, eu ainda tive outro. Porque fiquei imensamente cansada, dispersa e chata. Porque enjoei muito, vomitei quase todos os dias desde as 6 semanas (e ainda não acabou, ontem mesmo eu vomitei duas vezes). Emagreci 2 quilos, meu nível de ferro baixou (ainda não é uma anemia, mas tá caminhando pra isso) e meu exame de rubéola deu positivo (vou refazer na semana que vem). Mas, por outro lado, eu tive a oportunidade de fazer 4 ultras e, em todas elas, o baby sempre esteve bem, sempre apareceu rápido na tela, posou pra fotos, exibiu seu coração forte e ritmado, mostrou os truques de crescimento da semana. Eu guardei essas imagens com o maior carinho e sempre que me sentia triste ou preocupada demais, olhava pra elas e me enchia de força de novo.

• Quando nasce?
Quando o baby quiser, ué! Hehehee. Bom, completo 40 semanas em 03 de junho de 2011, mas a médica falou que já a partir do meio de maio estaremos a postos pra qualquer novidade. Do mesmo jeito, se meu útero tiver muito agradável e o baby quiser ficar mais tempo por lá, a coisa pode se estender até o meio de junho.

• E quando veremos fotos da barriguinha?
Não sei, gentes! Mas vocês acreditam que eu não tenho barriga ainda? Tenho a de sempre, a mesma que já tinha desde o ano passado: a de chope. A única coisa que aconteceu é que a barriga se espalhou toda. Antes parecia que eu tinha um caroço eterno embaixo do umbigo, agora parece que eu enrolei um colchonete na cintura. Assim de bonito. Claro que, se eu der uma relaxada na postura, aparece uma saliência. Se eu aliso a saliência, até consigo lugar pra sentar no metro, hohohoh. Mas, ainda não dá pra ver nada não. Assim que der, eu começo a tirar foto, prometo!

Ufa, acho que era isso! Obrigada de novo pelo carinho, amadas!

Vou colocar um contadorzinho da gravidez aqui do lado, aí voces acompanham a contagem comigo!

/

/

44 respostas em “A maníaca do post

  1. Querida Carol

    Realmente estou very very very feliz por vc, me alegrei mto com a sua novidade, e aqui vai uma dica d emommypra mommy que tbm tem um anjinho céu!
    O medo de perder sempre estará presente, eu tô de seis meses e esse é um fantasma que acredito que vai me acompanhar até o dia do parto, poooooooorém, tente não ler essas tragédias nos fóruns da vida e não deixe esse fantasma filho duma mãe te atormentar, se alegre a todo momento com a sua gravidez pq vc merece, não fique lembrando do que é triste não (embora seja dificil)!

    Uma ótima gestação pra vc, e que sua sementinha cresça mais e mais e mais e logo vc esteja com uma big pança de deixar todo mundo com inveja de tãaaaaao linda (invejinha do bem).

    Bjão pra vc e pra sua sementinha

    Juu e Yasmin

  2. Lá no meu blog, na barra lateral onde eu coloco o blog das amigas, eu tinha colocado "Carol e Bebê" mas nunca tirei, porque eu sabia que logo vc estaria com bebê novamente. Parabéns, querida!!! E que venha esse bebezão!!!

  3. Carol quase não comento aqui,mas leio sempre e sempre…acompanho vc desde sempre tb rs… fico feliz, imensamente feliz pela sua gravidez!
    Minha prima teve uma história parecida..hj a bb dela já tem 9 meses de intenso amor!
    Curta muitoooo…
    Bjs

  4. Ah, foi q nem q euuuu… 😉
    Eu lembro ate q eu te disse isso, na hora q o corpo tem beta, a coisa deslancha!!!

    Concordo com a Julia, nao vale a pena ficar se lamentando nao.. vc ta certa, curta cada segundo dessa gravidez, pq, vc querendo ou nao, agora vai ficar bom! Depois cansa de novo, a barriga pesa, nao tem posicao na cama, mas o 2o tri eh uma diliça!!!

    Beijos, parabens de novo e passa la pra visitar a gente!!

    http://graozinhodebico.blogspot.com/

  5. eta que tamo numa corrente feliz e positiva por você Carol!

    "é que passei tanto tempo sem falaaar que agora vou ficar atualizando o tempo todo."

    E a nossa torcida é: Atualiza, atualizaa, atualizaaaa…
    Simpolga e faz render um livro mesmo.. hehehee

    bjoo

  6. Adorei Carol….

    E eu sei que a gente fica meio desconfiada de nós mesmas…tipo será que estou grávida mesmo???Ate agora eu penso nisso!!!Parece que só vou relaxar qd ver o Beta!!!!
    Tb tô doida pra botar o contador no meu blog…mas como sou meio travosa aceito dicas!rsrsrs

    BJS!

  7. Carol, como você mesma disse, viver é um risco, e com a gestação não é diferente. Existem gestações de alto risco e gestações de baixo risco; não existem gestações sem risco. Daí eu te dou todo o meu apoio pra espalhar a notícia aos sete ventos e curtir muito essa gravidez. Acho que sua diferença de ânimo em relação à primeira gestação já aponta um rumo bem diferente pra essa, né? a gente sente… Beijos!

  8. Oi Carol,eu de novo rsrs..
    Olha li tudo e foi tudo intenso hein nesses ultimos 3 meses,mais Deus é fiel flor,e tá aí vc com seu sonho crescendo dentro de vc..
    Olha vi tbm que vamos ter bebe quase no mesmo dia se for pela data da ultra né,o seu parto ta previsto para 03.06.2011 e o meu está para 04.06.2011.
    Flor queria ter mais contado com vc,me add no msn…bjos!

    sc_camilla@hotmail.com
    Ah tem minha ultra de 9 semanas e 2 dias no meu blog passa lá…

  9. Carol, AMEI esse post. Você tá passando uma tranquilidade, uma serenidade, uma alegria típicas de… grávida!! Sério, tô te achando super pra cima, que bom!! Adorei principalmente o trecho sobre os riscos: resposta consciente e positiva!!
    Vou acompanhar tudo, torcendo sempre! E curta muito a barrigola de colchonete!!
    beijo!
    http://maedobento.blogspot.com/

  10. Gata, fui lendo e revivendo tudo. Até arrepiei. Lembra que a gente falava que o tempo ia passar e tal. E tá passando né? Que delícia fazer parte desta história. Estarei sempre aqui, virtualmente, torcendo muito por você, pelo baby e pelo Pedro.
    Imensamente feliz MESMO!
    Beijão!

  11. Não acompanhei desde as doze semanas atrás, mais sabe que sempre estive na torcida (até sem saber que já estava gravida rs) para que esse dia chegasse!!
    Que esse baby venha para completar a felicidade, a vida, o amor de vcs, você e Pedro merecem viver tudo isso intensamente!!

    Flor, e a Jordana, ta bem??

    Beijo grandãoo

  12. Ah, que coisa boa, que apesar de qq intercorrência, seu baby está aí, grande e forte!! E vc está feliz, posso sentir pelas suas palavras!!
    Parabéns de novo e de novo!!
    PS: Meu marido ficou super feliz, contei pra ele: Mô, adivinha quem tá gravida? Ele respondeu: A Carol das babys bobeiras? HAHAHA, foi muito engraçado!!
    Beijokas

  13. Bah Carol, quando tu disse que tinha tido uns problemas aqui no Brasil eu pensei em gravidez, quando li que tu estavas meio indisposta por esses dias pensei em gravidez…
    Daí passo alguns dias sem te ler e te descubro totalmente grávida! Que alegria, fico muito feliz por ti e pelo Pedro, parabéns!
    Ah, e quanto aos fóruns, abandona, não lê não, só dá tragédia, te abstém dessas coisas e curte o crescimento do barrigão com quem te quer bem (nós, no caso)
    beijos

  14. Ok, vomita que a gente espera! hahahaha Brincadeira! Melhoras no enjoo, viu?
    Como eu disse no outro post, tudibom para esse feijãozinho aí! E para você, e o maridón e todo mundo!
    Beijão!

  15. O que???? Teu baby vai nascer bem pertinho do aniversário do Vicente???

    OOwwwwwwwwwwwwwwwwwwwwnnnNN!!!!

    Minha DPP era 06/06. Que loucura, engravidamos na mesma época do ano.

    Achei o máximo isso!
    hhhaahahahahah

    Beijos pra vocês!

  16. Ah que lindo…rsrs
    curta muito seu baby e a barriguinha que daqui a pouco vai virar barrigón e ela vai sempre chegar nos lugares antes de você…rsrs

    eu tmb acompanhava e ainda acompanho o forum,sempre lia noticias terriveis e ficava sempre o medinho,mesmo minha gravidez tendo sido perfeita (exceto as contrações que senti antes do tempo), ou seja, esse medo sempre ronda a cabeça de todas mamães, acredita que eu tinha medo de dar aquele espirrão e perder o baby?? rsrsrs
    Eu já descobri tardão: com quase 10 semanas. Assim é bom que vc já esta curtindo o baby a um tempão!!

    Bjos e muita saúde pra vocês dois

  17. Ah Carol, fala sério, perdoar do que?
    Todas estamos loucas pra saber TUDO!!
    Adorei o post, e tenho certeza que ainda tem muito mais coisas que queremos saber!
    Continue relatando tudo que tenho certeza que você vai fazer todo mundo feliz!
    Beijinhos

  18. Carolllllllllll to super feliz por vc, imagino que essa frase vc já leu muito, mas to mesmo, muiiito feliz, e tomara que vc faça muitos e muitos posts como esse, aliás todos são tudo de bom, bjo e muitas bênçãos pra vc e seu bebezinho, bjos e sorte sempre!!!

  19. "Então gente, se eu for viver pensando que precisa chegar o amanhã pra eu ficar mais tranquila, sempre colocando prazos e condicoes, eu nunca vou viver o hoje, entendem? Não dá pra eu achar que meia hora a mais ou a menos de gravidez vai fazer tanta diferença. Eu vou viver um dia de cada vez e tentar ser feliz com o que é hoje. O amanhã não me pertence!"

    Carol, lendo esse trechinho do seu post já deu pra ver o quanto você mudou! Realmente, não adianta ficar naquela ansiedade de que 'talvez amanhã não exista mais nenhum risco'. Como disse a Lia, eles sempre existem, em maior ou menor intensidade, e o que importa é curtir o hoje, que de deixarm saudade (sim, até de enjoar, vomitar e emagrecer tu vai ter saudades…)

    Beijos

  20. Carol, que sufoco feliz. Afinal, foram muitos sustos, mas o resultado final é esse coraçãozinho batendo a mil aí dentro e os nossos coraçõezões batendo a mil aqui fora com tantas emoções.

    Agora entra a melhor parte. Os enjoos acabam e só fica a parte boa.

    bjs

  21. Nuss que felicidade carol, o senhor é com vc e esse bbzinho lindo vai crescer saudavel e forte se Deus quiser, os enjoos são muito tensos néh, sofri tb, agora num deixa a gente sem acompanhar esse baby mega lindo crescendo néh, bjão.

  22. Ah, que bom!
    Eu amo, AMO, AMO acompanhar gravidez (dos outros!)… tão bonito acompanhar as expectativas, os momentos, as fotinhos… vou andar sempre por aqui, torcendo e acompanhando essa linda história.
    Mais uma vez, parabéns a você e seu marido, e que o baby continue crescendo lindo e forte!
    Um abraço

  23. Quanta emoção tudo-junto-misturado-ao-mesmo-tempo-agora!

    Eu tinha várias perguntas para te fazer, me achei meio intrometida demais e fiquei na minha. Agora vc esclareceu tudim.

    Sabe Carol, eu penso muito nisso, na certeza que a mulher tem que vai engravidar. Não é a primeira vez que ouço isso.

    No meu caso, até agora, esta certeza esta meio distante, mas mais perto do que há meses atrás.

    A vontade de ser mãe é enorme, enorme, mas não depende só dos meus e dos esforços do meu marido. Acho que tem algo muito maior e misterioso além disso tudo.

    Muito feliz mesmo por vc viu! E acho linda a amizade entre vc, a Patrícia (aliás adorei o post que ela fez para vc) e a Jordana!

    Beijinhos!!!

  24. Aiiiiiiiiiiiii…

    não fazia a minima ideia do que se andava a passar! Apanhaste-me mesmo mesmo de surpresa agora… e que surpresa mais agradável 😀

    Estou muito muito feliz por vocês e desejo que corra tudo maravilhosamente bem. Muitos beijos e não te esqueças de ir pondo aqui as novidades 😉

  25. oi carol,

    é meio estranho acompanhar esse tipo de noticia via blog, mas de um tempo leio teu blog. por algum blog relacionado entrei no teu.

    parabéns pela nova vida o/

    aproveita e manda um abraço pro pedro. já trabalhei com ele na topsports. não sei se ele vai lembrar de mim, mas enfim, diz que mandei um oi pra ele tb!

    abraços ao casal,
    giselle

  26. Eu tô atrasada com o recadinho, mas não com a notícia. E quer saber: tô feliz demais por vc!!!

    Minha querida, vc merece muito viver isso, e agora será especial, tenho certeza.

    Entendo a demora em nos contar, respeito seu momento. Mas agora é só comemorar.

    Fica com Deus, bjs na bochecha

  27. De vez em qdo passo por aqui e leio vários posts atrasados de uma vez! Fiquei muito feliz com a notícia deste post aqui! Muito bacana!
    E o mais engraçado é que tb estou grávida, mais ou menos o mesmo tempo que você! Continuo nos enjôos (um horror!), ms como é a segunda gravidez, até já tenho barriga!
    Vamos lá que desta vez vai dar tudo certo! 🙂
    Adorei o seu contador de gravidez!
    Bjs
    Sut-Mie

  28. estava meio cabreira, não menstruava, e sentia dores na barriga, até pensei que ia menstruar, ficou assim quase 20 dias até que fiz um teste de farmácia hj, agora pouco e o segundo risco ficou mais claro.. fiquei na duvida pesquisei na net e vi que é positivo. Mais eu ainda não estou acreditando nisso.. Será mesmo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *