Tenho tantas coisas para fazer. E são tantas, parece que toda uma vida se desorganizou e precisa voltar a andar normalmente. Só que eu olho pra todas essas coisas e sinto um cansaço, um sono, uma preguiça. Não faço nada.

Já escrevi montes de parágrafos sobre como anda a minha gravidez, sobre o obstetra que eu ainda não consegui encontrar, sobre os sustos que sigo tendo, sobre os vômitos que continuo vomitando, sobre a barriguinha que um dia parece que cresceu, outro dia não. Mas apaguei tudo e achei chato e reclamão e ranzinza.

Aí fiquei pensando sobre isso e aliado ao meu mau humor de hoje, percebi uma coisa. Que eu achei que esse primeiro momento da gravidez seria mais GLAMOUR. Pode até ser pras outras mocinhas. Mas pra mim, não tem sido muito não. Só que eu fico sem graça de falar (e admitir) isso.

Eu imaginava que seria um poço de felicidade e confiança e beleza (praticamente a Miss Universo das Mommys, a Tieta recém-chegada na cidade, envolta num lenço colorido esvoaçante e poderoso). Que os enjôos eram uma lenda urbana “ah que bonitinha, ela tá enjoando!” (repita essa frase depois de vomitar 4 vezes no mesmo dia). Que o medo era fruto da ansiedade besta (mas não, parece um chiado, um piiiiiii interminável que toca o tempo todo dentro de você. Tem vezes que é ensurdecedor, tem outras que até dá pra fingir que não tá ali. Só que é constante; eu sei, você sabe.). Que eu ficaria LINDA grávida (e não espinhenta e com uma barriga esquisita e com os peitos doendo pacas). Que as oscilações de humor eram bobeiras inventadas por aí (aproveita pra se lembrar disso quando, na mesma frase, a pessoa diz AMAR morar em Buenos Aires e logo em seguida, começar a chorar dizendo que quer voltar pro Brasil). Conclusão é que imaginei várias coisas baseadas num conto dourado da vida da Barbie loira plastificada perfeita e nunca tinha pensado nas dificuldades.

Além de tudo, dá uma puta sensação de solidão, de única (e última) grávida do mundo, não compreendida por ninguém, prestes a ter o corpo, a mente e a vida alterados pra sempre.

Outro dia, saí do médico revoltada (papo pra outro post) e queria muito ligar pra alguém. Não importava se esse alguém tava no Brasil ou na Conchichina, eu precisava botar aquilo pra fora e foda-se a conta do telefone. Passei o olho na minha lista de contatos. E comecei a chorar, no meio da rua mesmo, falando em português e sozinha “ninguém vai me entendeeeeeeeeeer”. Se você, turista desavisado, tava andando pela Recoleta e viu uma doida semi-barriguda chorando ao olhar pra tela do celular, opa!, era eumerma.

Mas aí, respirei fundo, parei com a crise e liguei pra minha psicóloga (sábia decisão).

***

Morro de vergonha de postar essas coisas. Fico me sentindo A CHATA (ai de você, pessoa sem-noção, que concordar nos comentários que eu sou chata mermo). Principalmente porque eu quis tanto a gravidez e agora só sei reclamar. Malz aí, tá? Juro que assim que eu recuperar as minhas CNTPs (o que pode ser em cinco minutos ou só daqui a seis meses e meio), eu vou escrever um post bem bonito falando da imensa alegria de estar grávida (se eu escrever isso agora, sai em poucas palavras “eu acho super ótimo estar grávida porque em seis meses e meio eu terei um bebê”).

35 respostas em “Humpf

  1. Oiee
    Na verdade muita gente fala que tudo é um mar de rosas, mas pra mim não tem sido não, é tudo culpa dos hormonios malditos!! Deixa a gente triste, louca, enjoada, e tudo mais que vier no pacote!! Mas pensa assim mesmo, daqui a pouco você vai estar com o seu bebe nos braços e é o que importa!!
    Bjinhuxx

  2. Carolzita, fique tranqui.

    Foda vai ser quando bater uma crise dessas e seu filho já tiver vindo ao mundo!

    "Achei que fosse achar tudo lindo e agora tô aqui, na merda, tentando achar o celular na bolsa pra ligar pra psicóloga mas só encontro mamadeira, chupeta e babador. Pra piorar, ele não pára de chorar".

    A vida é legal porque nada é perfeito o tempo todo.

    besitos!

  3. Carolzinha,

    se te consola, é assim mesmo. Eu me sentia igual, principalmente nesse começo. Sono, cansaço, enjoo e ódio da humanidade. Juro. òdio de todos os seres humanos, incluindo marido, mãe, pai e melhor amiga. Uma super mega tpm.
    Mas quando os enjoos passarem dá uma boa melhorada (14 semanas, garanto!) e aí a pele também melhora, e o cabelo cresce e brilha e a barriga perde aquele jeito de 'tá gorda ou tá grávida?" e assume ares redondinhos. Não que seja glamuroso. Longe disso. Mas tem um prêmio lá no final. Então força, ânimo, respira fundo e fé no mantra "vai passar". Porque passa, viu?

    Adorei seu comentário lá no blog. Que bom que minhas palpitarias te ajudaram em algum momento da sua vida. Porque são de coração. E você continua nas minhas orações. Sempre!!!!!!

    beijos e força na peruca gata!

    pat

  4. Carol, que ótimo, você é normal.
    Meu comecinho foi bem assim: mal estar constante (uma ressaca que não acaba nunca, e sem o bônus de ter ficado bêbada na noite anterior, e ter várias histórias divertidas para dar risada), uma leseeeira e um sono constantes (e ainda por cima foi em dezembro, um puta calor e todo mundo surtado querendo terminar tudo para sair de férias), o corpo todo esquisito e um ódio represado no coração. Especialmente quando olhava para a cara do meu marido, por exemplo saindo para dar uma corridinha, e lembrava que ele não estava sentindo nada… e que o filho TAMBÉM SERIA DELE. Que odio que me dava.
    Mas melhora, viu? Daqui a bem pouco os enjoos vão passar (caras, eles passam, sério mesmo, por mais que seja impossível acreditar nisso agora) e a sua disposição melhora e muito. E o mau humor dá uma diminuída forte.
    Guenta ai, só mais um pouco, que essa fase do cão está acabando.

  5. o minha amigaaaaa.. penso o mesmo que vc desejei tanto agora reclamo… menina isso que nem vomitei nada , a barriga ta ficando linda com 15 semanas to amando ela ta redondinho, de um dia pro outro ja tá maiorzinha… mas menina a preguiça, falta de vontade de tudoooo, daí queria muito meu bb mexendo, de tanto desejar ele começou a dar o ar da graça me fazendo setir ele, e como sento menina da umas dorzinhas, hora não me deixa ficar sentada, na outra fico com dor pq to deitada, da umas bolas maravilhosas nela mt bom mas tbm ruinzinho kkkkkkk, mas minha tia disse que é só o comecinho…
    bjusssss

  6. Poxa Carol!

    É entendo vc, estou an segunda gestação, na prmeira acho q teve horas q foi mais punk, porque toda vez q eu ia vomitar, caia a minha pressão e eu junto. =(, ou seja, toda vez (eu disse TODA?) marido tinha q ir junto comigo, sair correndo, deiando o seu prato de comida, mao suja , tudo e ir me segurar no vaso.

    E depois do enjous, começaram as azias, não tinha o que fazer, elas simplesmente existiam, e eu não podia fazer nada.

    Depsoi explodiram as estrias no meus seios, quase infartei, mais tb não podia fazer nada.

    Fora a vontade de ir no banhiero a cada 5 minutos q me estressava ao extremo.

    No ultimo trimestrre, começou a insonia,não tinha posição boa pra dormir, falta de ar, bb cutucando as costelas 24 horas por dia, barrig apesada, falta de equilibrio.

    com 36 semanas começaram as ((contrações)) , e como doia, corria pro médico, e foi assim, até o bb nascer (cesária) amsi senti todas as dores do parto normal antes.

    Mais ver minha filha nascer , tao linda ali, (não me fez esquecer não de nada disso), rsrsrs

    Mais estou eu ca, grávida de novo, mais já avisada de tudo q eu vou passar ainda.

    Já tive muito enjou, muito medo de perder o bb, e vou seguindo…(ahh agora é sono, e não poder dormir o dia todo, pq tenho um filha pra cuidar).
    e por ai vai…
    Mias digo a vc, É A MELHOR COISA DO MUNDO TER ESSES PIMPOLHOS, e foi só por isso, q resolvi engravidar novamente…e até pensaria em ter mais outro. =)

    Beijos
    Deisi
    http://www.feitos1paraoutro.blogspot.com

  7. Carol,

    normalzinho isso. Você não desejou estar grávida, mas desejou TER UM FILHO. São coisas diferentes, uma é estado transitório, a outra é a coisa mais permanente desse mundo. Então é mais que normal reclamar, tem tantas coisas chaaaatas de estar grávida. Pensando bem, na maternidade também, tem coisas chatas, mas reclamar não quer dizer que você deteste o que tem e que é menos merecedora.

    Eu por exemplo, te digo que detestei estar grávida, e olha que minha gravidez foi tranquila fisicamente, dentro do limite que uma gravidez pode ser. Mas eu nunca senti aquilo que falam nos comerciais, que você nunca se sentiu tão linda, glowing e o escambau. É uma coisa desconfortável pacas, e vc sempre, até o dia do parto tem esse sininho de alerta tocando dentro de ti.

    Eu penso em ter mais filhos, mas o que mais me freia nessa decisão, confesso, é ficar grávida de novo, eu realmente não gostei… Mas faz parte, estar grávida é só um pedaço mínimo da jornada.

    Bjos

  8. Não há glamour antes das 12 semanas, Carolinda. Depois as coisas melhoram, j-u-r-o! E acontece o impensável: a gente ESQUECE como era ruim.
    Dou um mês pra vc estar toda pirlimpimpim batendo perna pela Recoleta!
    beijo!

  9. Amiga, vc não está sozinha!
    Tb estou com a cara cheia de espinhas, tb estou semi-barriga indefinida.. tb sinto muito medo (apesar de nem ter tido o susto que vc teve) e acho que tudo isso é extremamente normal! Vc é normal, fica fria!
    E é verdade, ninguém entende, só nós gravidinhas mesmo!
    Isso tudo passa, é culpa dor hormônios!
    bjinhos!

  10. Carol como você sabe eu ainda não tenho baby, tanto que faço parte de sua listinha ilustre ai ao lado das treinantes, bem o que sei é cada gravidez é diferente hormônios etc isso foi minha GO que disse.
    Olha daqui a pouco tudo isso vai passar minha irmã passou por isso e depois parece que nunca tinha enjoado na vida, pode acreditar!
    Logo você vai estar com a corda toda correndo atrás do enxoval para seu filhote e esse blog vai estar estrumbado de fotos da barriguinha.
    Beijos e relaxa viu amiga.

  11. Ohhh Carol fica assim não, isso tudo e normal pelo que ja ouvi de outras gravidas… Só os hormoniossssssss. Cada momento um humor diferente.
    Fica tranquila que logo passa.
    Beijinhos.

  12. Realmente querida… eu nesta época de enjoos e afins ficava pensando – que merda,ser mãe é isso?? (sacanagem escrever isto né?) mas pura real… depois disto, vc passa para a fase deformação, tem filho na barriga mas a barriga não aparece, suas coisas não tem servem mais e vc pensa – que merda sou a gravida mais feia do mundo!!! – eu passeio por isso…
    Fui curtir mesmo estar grávida e desencanar de todas as coisas qd estava no 6 mês, 7 mês… nossa foram só elogios!!! não tinha nada q me impedisse de ser feliz, eu comia bem, dormia bem,passeava entre mil coisas
    Agora com 8 meses outra saga – tenho 5 peças de roupa (ai q exagero) não durmo, como q nem uma porca, ronco, acordo com dores nas costas, ando q nem ursa polar, isso a falta de ar e indisposição total…
    affe…
    ser mãe é padecer,enlouquecer e ser feliz no paraíso tenho certeza!!! hahaha

  13. Vou resumir em uma frase e vc já vai saber que eu te entendo completamente: meu marido sempre diz que eu fiquei 9 meses de TPM nas duas vezes em que fiquei grávida! hahaha
    beijos, beijos

  14. Carol, é isso aí mesmo.

    Tá que não existe uma verdade universal e pode ter gente lendo o teu post e te achando A chata reclamona pois a gravidez delas foi sim, um glamour. Mas, sinceramente, acho que isso é pra uma minoria, até mesmo pelo que li nos comentários.

    Assim como a Thaís, não curti a gravidez muito não. Também me freia esse lance de que pra ter um segundo filho precisa ficar grávida de novo.
    A gente acha que vai ser tuuuudo lindo, maravilhoso e perfeito… Não é!
    Eu senti muita dor, cansaço, peso… Poxa, nos dois últimos meses eu mal podia caminhar, o que me deixou MUITO irritada.

    Massss, claro…depois do primeiro tri, sem os enjoos vc aproveita mais, mas não que o glamour venha (comentário super otimista néaaam), mas pelo menos é mais suportável…
    Affffffffffff
    Olha só o que eu tô te dizendo…ehheehhe

    Mas oh, vale a pena! Vale muuuito!
    Quando você receber um sorrisão banguela e aquele serzinho pequenininho olhar bem dentro dos teus olhos com aqueles olhinhos brilhantes, você vai deixar tudo isso de lado!
    E isso sim, é verdade!

    Beijo!

  15. Carol, eu queria TANTO que vc descrevesse essa fase de pouco glamour… Pra eu me sentir menos ET sabe? Já estou superando isso, pra não dizer que superei. Mas eu pensava: será que é normal se sentir tão feia, chata, gorda, infeliz e fora de lugar, justo no momento mais esperado da vida?
    Pelo que vc tá falando, acho que é.

    Beijos

  16. Só posso te dizer uma coisa: PERFEITAMENTE NORMAL SEUS SENTIMENTOS.
    Acho q senti e sinto todos eles todo santo dia e são poucas as pessoas q entendem. Marido entao passou longe de entender.
    A gente nao quer admitir q é uma fase linda mas CHATA e cansativa pq tem medo de estar sendo mau agradecida. Mas nao é isso e só a gente sabe. Estar gravida é complicado demais, bem mais do q aquilo q a gente imaginou bem de longe um dia!
    Mas o q eu posso te dizer? q vai passar? sei la…acho q um dia passa…rs…pra mim ainda esta no processo de passar, mas posso te garantir q ainda sinto td isso!

    Fica bem amada!

    Bjos

  17. Carol, achei a gravidez um mal necessário e só. Achei gravidez estressante, chato, monótono, angustiante, mega-paranoico enfim… nada de glamour e estou com vc… bom mesmo é saber que daqui a algum tempo esta gravidez servirá para a coisa mais preciosa de sua vida vir aos seus braços saudável e vai lhe encher de alegria e insônia gostosa. hehehe Beijocas

  18. Caroooool,
    a gravidez é um daqueles momentos da vida da gente que precisamos nos apegar ao "olha o lado bom, pensa no lado bom, ele existe!"
    não é nada fácil essa explosão de hormônios, dúvidas, choques de realidade de 5 em 5 minutos.
    ver a vida se transformando dentro e fora de vc.
    opa! para tudo!
    repire.
    a gente fica chata mesmo. gravida é um saco pra quem tá de fora. reclama mesmo.
    reclama porque dói, cansa. é a festa do estica e puxa acontecendo bem aqui.
    os enjoos, que passam num puft, assim que vc acostuma ou acha a solução pra eles.
    a pele, que vira um negócio e depois fica linda, assim como o cabelo.
    mas tdo passa e vai ficando maravilhoso assim que as semanas se concretizam e a gente teima enxergar o lado bom e positvo.
    se for se apegar as estrias e aos vomitos e aos hormônios, meu bem…

    ó, calma que glamour mesmo, quando vc resolver sair com maridex pra jantar e dar aquela cabelada sabe, brilhante, lá pro quinto, sexto mês.
    qdo vc estiver mais acostumada e segura e arriscar um saltinho e ver que sua pernoca ainda é uma coisa de louco.
    e o melhor: seus peitões vão ficar lindos num decotex tudo de bom que vc vai se dar de presente assim que essa fase de vomitância passar.
    vai por mim.
    bjocas
    ah! e não se esqueça! estamos aqui pra ouvir qqer baby-bobeira sua!
    carol
    http://viajandonamaternidade.blogspot.com

  19. Carol..eu não tive enjôo na gravidez..mas sinceramente isto foi só uma coisa a menos que eu tive..Vasculha nos meus posts de grávida que vc vai ver..
    eu fiquei ENORME, sou baixinha e os 3 últimos meses de gravidez foram beeeem sofridos,,tirando a última semana que eu tive uma infecção urinária que me disseram ser "leve" mas que me mandou pro PS 2 vezes com dores horrorosas e achando que iria parir antes do tempo…
    Eu te entendo, as alterações de humor são terríveis, eu fazia coisas que depois me envergonhava total!!!
    Ficar grávida honestamente não achei tão tão legal assim..tem seus bons momentos por exemplo, sentir o bebê mexendo..mas isto tb é passageiro porque conforme o final da gravidez vai passando, estes "mexidos" ficam doloridos..hehehe
    Me senti feia, aliás ainda sou a miss baranga com a barriga cheia de estrias e o cabelo parecendo de um jackson five! haha..
    São semaninhas que a princípio parecem intermináveis mas quando vc estiver indo pra maternidade e olhar pra trás, vai ver que tudo passou rápido e quando vc escutar o chorinho do seu baby pela primeira vez, vc vai esquecer tudo isto! São coisas incômodas mas que vc vai tirar tudo de letra..
    ah, e não se incomode de parecer ranzinza, chata ou qq outra coisa..vc pode, está grávida! Aproveita..pq depois não vai ter desculpa! heheh
    bjs!!!

  20. Carol, relaxa, vc não é a unica a passar por isso, nem 1º nem ultima… sei que foda esse mal estar, vomitar é horrivél, mas respire fundo e conte até 10, e pense positivo, vai passar, logo logo, parece loucura amiga, mas eu daria até um dedinho do meu pé pra estar assim como vc, péssima, mas GRAVIDA!!!

    Um super beijo!!!

  21. Concordo com a Debora!
    embora nao tenha experimentado essa sensaçao de estar gravida AINDA
    eu ja me preparo psicologicmente pro q esta por vir sabe.
    Eu ja sofri por diversas vezes de enjoos de ficar mto mas mto mal,entao eu penso se eu nem to gravida e to assim,deve ser multiplicado por quant numa gravidez??
    visto q tem mulheres q nem siquer enjoam! em toda a gravidez! mas e minoria mesmo!
    e uma fase e acredito q em breve t vai poder curtir melhor,mas naos e ache chata e assim mesmo!
    depois vem os desconfortos do final,se prepare!!! de verdd,psicologicamente se prepare pro final,peso da barriga,pelo q vi vc imaginou um mar de rosas,rs.
    Espero q nao fique chateada,falei contgo como se fosse a minha prima,irma,sei là.
    Besos.

  22. Carol, meu médico sempre falava que a gravidez é uma tpm estendida, eu diria que por 9 meses. Tem dias q vc se sente linda. Tem dias que se sente uma porca gorda.

    E esse começo é complicado mesmo. A gente não sente nada (além dos enjoos) e fica encucada se o bebe ta bem e coisa e tal. Na verdade a preocupação nao vai embora nunca, mas quando vc começar a sentir ele, passa um pouco.

    bjs

  23. Aii Carol como vc é figura!! Mas é assim mesmo, nada de glamour minha amiga…na verdade não tem glamour durante os nove meses…só pra quem olha e mesmo assim bem de longe..akakakakak
    beijão e relaxa isso passa tão rápido…que como eu quando seu pqueno estiver começando a andar e tagarelar vc vai lembrar dessa fase dando risada e contando das puns!! xixis na calça!!! mega bommm humor! e todo esse pacote plus ultra mega gravidez..e vai por mim vc nunca mais vai se sentir entendida por ninguem…nem seu filho vai te entender quando vc virar MÃE !!!

  24. Oi Carol! Só para reforçar…como a maioria da mamães asima já disse, a gravidez é assim mesmo, principalmente se sofremos com os ejoos, os humores, o sono, preguiça…enfim… Eu fui uma grávida no início da gestação bem reclamona, eu passei MUITO mal, vomitei horrores, não conseguia trabalhar, comer, dormir, me exercitar e não conseguia achar aquela graça toda em estar grávida…eu pensava: como pode??? Eu tinha sonhado com uma gravidez em que acordaria admirando cada dia que nasce, falaria com os pássaros, faria yoga, caminhadas, enfim…doces sonhos! todo mundo dizia que era maravilhoso e eu estava achando o ó a gravidez…teve até umas pessoinhas insensíveis que chegaram a insinuar que eu estivesse rejeitando a gravidez…bah! vem ficar no meu lugar e vomitar a cada meia hora e ainda ter nariz de perdigueira que sentia até o cheiro de um ovo sendo aberto no outro cômodo da casa para ver o que é bom… Mas passa, passa sim…e vc resumiu bem o que é estar grávida…eu só gostei da gravidez porque tive o meu bebê no final, rsrsrs, é é realmente o que vale a pena! Tanto, que quero engravidar novamente! mas gravidez só é glamour nas revistas ou para algumas poucas felizardas, rsrsrs Beijos!

  25. Oi Carol….é foda mesmo, dizem que os primeiros 3 meses nao tem nada de glamuroso. Mas precisa passar por esta fase…entao fudeu.
    Olha liindona…depois podemos trocar telefones, moro no Rio de Janeiro. E poderá me ligar a vontade…ficarei toda boba de falar que recebi ligação de uma amiga do "EXTERIOÔR"..kkkkk…pena que ainda nao sou mãe, por enquanto, entao nao vou poder passar mais consolações sobre gestação. Mas se quiser UMA AMIGA PRA TODAS AS HORAS. ESTOU AQUI PRONTA PRA TE ATENDER…COMO QUISER.

    Um beijao lindona.
    Núbia RJ

  26. relaxa, o primeiro trimestre é assim mesmo… deixe pra fazer tudo no segundo trimestre que é quando vc se sente melhor… depois do 7º mes ai tudo fica mais dificil novamente…
    confie, vai dar tudo certo!!!

    bjs

  27. Olha Carol, nao deve ser facil ver seu corpo mudar fisicamente, e ter seu psicologico alterado!
    EU sempre tive a impressao de q qdo engravidasse seria a mulher mais chata do mundo.. nao sei.. eu sou muito reclamona mesmo, naturalmente, tanto eh q meu apelido em casa era Marias das Dores… agora imagina so qdo o danadinho estiver aqui dentro???
    Ninguem vai me aturar!!
    Realmente nao sao muitas meninas q passam o 1o tri numa boa.. mas guenta firme q logo logo passa!!

    bjkas e se cuida

  28. Carol,

    depois de toda a confusão que deu mais pra frente com os comentários, eu reli esse meu aí e fiquei pensando que talvez seja o caso de me explicar.
    assim como você, eu com minha bebê já nascida, linda e fofa, tava tendo um dia daqueles, como o seu, um dia humpf, então quis só ser solidária e dizer que sentir que tá foda de segurar a onda é normal e que isso também acontece mesmo depois da gravidez. Você deseja tanto ficar grávida que não imagina que vai sentir coisas chatas… daí você deseja tanto que seu filho nasça, que não imagina que um dia vai querer sumir do mapa… como eu tava querendo quando escrevi o comentário… ficou claro?
    te adoro moça! ( espero do fundo do coração que aquele meu comentário não tenha sido mal interpretado…). beijinho!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *