Minha amada filha,

Não é nada fácil colocar no papel tantas coisas que eu gostaria de dizer, mas, se você não se cansar de ler, vou escrevendo, escrevendo, escrevendo…

Você sabe o quanto é especial, não só para mim, mas para todos aqueles que tem a grata satisfação de conviver contigo. Você é um espírito puro e até posso arriscar dizer que, melhor que muitos, pois você é meiga, doce, gentil, simpática, alegre, comunicativa (isso tudo, lógico, quando você não está com sono, né?!!!).

Eu te admiro muito, pois você é uma pessoa que vai dar certo, aliás, está dando. Você é positiva e consciente do seu potencial. Não deixe nunca de explorar e usar cada vez mais toda essa força e energia saudáveis de correr e lutar por tudo aquilo que você quer. Não deixe para trás os seus sonhos, que podem e devem ser realizados.

Deus nos mostra o caminho, mas a maneira como percorrê-lo, cabe a nós decidir. E espero (tenho certeza) que você saiba que essa decisão será a chave para o seu sucesso. Não deixa nada para depois, faça e descubra que tudo é possível quando queremos.

Não prejudique nem queira mal a ninguém. Seja honesta, íntegra, educada e, além de tudo, amiga, mas não deixe que tudo isso te afaste de sua família; pois a família, apesar de todas as diferenças e desavenças normais existentes dentro de qualquer família, ainda é o principio de tudo.

É dentro dela que vamos aprender a amar, respeitar, compartilhar, tolerar e, a partir daí, crescer como espírito. Entendendo que ninguém é perfeito e que precisamos compreender para sermos compreendidos. Não é nada fácil, mas… vamos tentando.

Infelizmente, é errando, caindo e levantando que iremos aprender a viver.

Apesar de tudo que já passamos (e ainda vamos passar) somos uma família legal! E eu espero estar sempre contigo em todos os grandes momentos felizes da sua vida.

Conte comigo sempre!!!

Eu te amo de paixão!!!

Mil beijos,
Mamãe

Em 16 de setembro de 2000.
Escrito pela mommy da autora deste humilde bloguinho que vos fala.

Mãe, fico aqui imaginando o que estaríamos fazendo hoje. Com certeza eu acordaria cedo, iria correndo pra sua cama e te daria um presente (lembra quando eu saí pra te comprar um sapato e voltei com uma televisão de presente? Hahahahah). E você choraria meio desconcertada e faríamos palhaçada. Meu pai compraria pão, eu faria o café e todos tomaríamos café da manhã juntos, rindo meio bobinhos, com aquela sensação de felicidade e de que não falta mais nada. A gente sabia que coisas muito simples eram tão importantes. Pequenas coisas. Como a forma que você gargalhava (e você sempre ria muito). As linhas do seu rosto. Seus dentes. Seu cabelo, que eu sempre achei lindo. Seu olhar comprido e cheio de amor. Sua letra que era tão parecida com a minha e no quanto eu sempre achei isso estranho. Penso que às vezes eu me olho no espelho e me acho tão parecida com você que quase te vejo. E tenho vontade de abraçar o meu próprio reflexo, numa tentativa falida e ingênua de estarmos juntas novamente. Nessa hora, até consigo te escutar “mas filha, nós sempre estamos juntas”.

Mãe, mas mesmo engolindo seco de não ter pra quem ligar hoje e tendo uma sensação besta e amarga de estar sozinha, eu penso no quão sortuda fui de ter convivido com você por lindos 21 anos. Obrigada, mãe.

Te deixo uma música, um beijão e muitas muitas muitas saudades.

13 respostas em “She

  1. Acho que estou muito emotiva hj… não consigo parar de chorar.]
    Lindo! Em breve, se Deus quiser, será vc que estará escrevendo para a sua filha e será vc que sentira como é bom ser mãe.
    Um Feliz dia para a treinante de mãe mais querida da blogosfera.
    Bjs
    Lu

  2. Oi Carol,
    Linda a carta da sua mãe, lindos os seus pensamentos!
    Logo tb seremos mamães e vamos comemorar esse dia com muiiiita alegria!!
    Feliz dia das mães treinantes!
    bjos

  3. Um dia a Carol faz a gente rir muito…outro é dia de se emocionar..
    Linda a carta da sua mãe..lindo tudo isto que vc sente e que consegue colocar em palavras..
    Não consigo imaginar a saudade que vc sente..
    Feliz dia das mães pra vc tb..pq eu acho que a mulher já é mãe a partir do momento que ela quer receber um outro ser na sua vida..que ela não se importa em abrir mão de tudo pra cuidar de quem vai precisar dela o resto da vida..e muito além!
    bjs!

  4. Ai Carol, que este ano vc ganhe o melhor presente de todos. E no próximo dia das mães vc vai reiniciar o ciclo, desta vez vc será a mãe, mas se deus quiser ficará a vida inteira com seu filhote. Feliz dia das mães, afinal treinante já conta…

  5. feliz dia das mães, minha querida.
    e que sua futura cria seja um filho/filha tão dedicada quanto vc foi pra sua mãe.
    (e que saia pra te comprar um sapato e volte com uma televisão- que fofa você…)
    beijão, viu?

  6. Que linda carta. Sua mãe escrevia tão bem quanto vc.
    Desejo de coração que no proximo dia das mães vc ja esteja com o seu baby nos braços ou no forninho!
    Sua mãe tem razão, vc é especial e é uma satisfação "conviver" com vc, eu gosto mtooo de vc viu?!
    Um BjO e um Abraço forte

  7. ai amiga, q coisa linda… olha q é difícil me fazer chorar (sou emotiva, mas dificilmente "materializo" a emoção em lágrimas), mas vc quase sempre consegue, assim com otbm consegue arrancar boas gargalhadas com seus posts engraçados… sua mãe tinha toda razão com relação às suas qualidades, é verdade… e tbm tenho certeza d q vcs continuam juntas… minha felicidade é ver q vc não transformou a tristeza da perda em dor, depressão, mas sim numa forma saudável de lembrança, d saudade, d esperança, d trazer para si sempre o bom exemplo e a admiração q tu sente, pra fazer d ti uma mãe maravilhosa… t admiro mto mto mto amiga!
    Beijocas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *